Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de dezembro de 2018.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Saúde

20/12/2018 - 18h13min. Alterada em 20/12 às 18h13min

Governo tenta preencher 2,4 mil vagas em novo edital do Mais Médicos

Prazo para inscrição de médicos brasileiros vai até esta sexta-feira (21)

Prazo para inscrição de médicos brasileiros vai até esta sexta-feira (21)


CLAITON DORNELLES /JC
Agência O Globo
O Ministério da Saúde abriu um novo edital do programa Mais Médicos para profissionais com registro no Brasil. Os médicos podem se inscrever até esta sexta-feira (21) pelo site do programa. Ainda há 2.448 vagas abertas em 1.177 municípios e 28 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). O número representa 28% das 8.517 vagas abertas após a saída dos profissionais cubanos.
Até as 16h desta quinta-feira o Ministério da Saúde apontou que 5.846 médicos se apresentaram nas cidades escolhidas ou iniciaram as atividades. O prazo final para os médicos se apresentarem aos municípios terminou na última terça-feira. Os profissionais que já estão homologados e desistirem dos postos terão as vagas colocadas de volta ao edital do programa. O Ministério da Saúde atualizará o sistema no fim desta quinta-feira com as vagas disponíveis.
A chamada segue aberta até esta sexta-feira exclusivamente para aqueles que possuem registro no Brasil (CRM). Os médicos que decidirem não comparecer mais devem informar ao município alocado, que comunicará a desistência ao Ministério da Saúde.
O Ministério também informou que até o momento 10.205 profissionais brasileiros e estrangeiros formados no exterior (sem registro no Brasil) completaram a inscrição de participação no Programa Mais Médicos e que as documentações estão em análise. O prazo para o envio da documentação dos profissionais se encerrou no último domingo.
Nos dias 27 e 28 de dezembro, os médicos brasileiros formados no exterior terão acesso ao sistema para escolherem as vagas que ficarem em aberto. Posteriormente, nos dias 3 e 4 de janeiro de 2019, os médicos estrangeiros terão a mesma oportunidade.
De acordo com o ministério da Saúde, o edital de convocação foi uma medida emergencial adotada pelo governo brasileiro para garantir a assistência em locais que contavam com profissionais de cubanos, por meio de cooperação com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e o governo de Cuba.
No topo dos distritos e municípios com mais vagas remanescentes está São Paulo com 29 vagas; logo após vem o Rio de Janeiro com 28 vagas; Ponta Grossa (PR) com 17 vagas; Mauá na região metropolitana de São Paulo também com 17 vagas e os Distritos Sanitários Especiais Indígenas de Alto Solimões e Alto Rio Negro, no estado do Amazonas, com 27 e 17 vagas cada respectivamente.
Ao todo, 10.205 profissionais brasileiros e estrangeiros formados no exterior (sem registro no Brasil) completaram a inscrição de participação no Programa Mais Médicos. O prazo para o envio da documentação dos profissionais encerrou no último domingo.
As documentações de todos ainda estão em análise conforme edital. Nos dias 27 e 28 de dezembro, os médicos brasileiros formados no exterior terão acesso ao sistema para escolherem as vagas em aberto. Posteriormente, nos dias 3 e 4 de janeiro de 2019, os médicos estrangeiros terão a mesma oportunidade.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia