Porto Alegre, quarta-feira, 24 de novembro de 2021.
Porto Alegre,
quarta-feira, 24 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Campeonato Brasileiro

- Publicada em 24/11/2021 às 23h41min.

Inter perde para o Flu e fica distante da vaga direta para Libertadores

Lance infeliz com um toque no braço de Bruno Méndez resultou no pênalti convertido por Fred

Lance infeliz com um toque no braço de Bruno Méndez resultou no pênalti convertido por Fred


RICARDO DUARTE/INTER/JC
Deivison Ávila
O Inter segue inofensivo fora de casa. Nesta quarta-feira (24), o Colorado foi até o Maracanã, sofreu um gol logo aos três minutos de partida, não se encontrou em campo e acabou derrotado por 1 a 0 para Fluminense, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Essa foi a quinta derrota consecutiva do time de Diego Aguirre fora de casa. O resultado complicou de vez a conquista da vaga direta para a Libertadores. E, pior, o Colorado vê a vaga na pré-Libertadores ameaçada.
O Inter segue inofensivo fora de casa. Nesta quarta-feira (24), o Colorado foi até o Maracanã, sofreu um gol logo aos três minutos de partida, não se encontrou em campo e acabou derrotado por 1 a 0 para Fluminense, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Essa foi a quinta derrota consecutiva do time de Diego Aguirre fora de casa. O resultado complicou de vez a conquista da vaga direta para a Libertadores. E, pior, o Colorado vê a vaga na pré-Libertadores ameaçada.
Aguirre surpreendeu ao escalar o time com Mercado na lateral-direita e com Saravia no meio-campo. Só que com a bola rolando, o Inter não teve tempo nem de respirar em campo. Logo no primeiro minuto de partida, Fred deu um passe e a bola bateu no braço de Bruno Méndez, dentro da área. Na cobrança da penalidade, o próprio Fred abriu o placar.
Aos poucos, o Colorado foi se encontrando e chegando perto do gol do Flu. Aos oito minutos, Samuel Xavier afastou mal a bola da área, Dourado recuperou e tocou para Patrick. Ele chutou com desvio e a bola passou pertinho da trave. Aos, 24, o Inter quase chegou ao gol de empate: após cobrança de falta, Cuesta subiu mais alto e cabeceou para uma grande defesa de Marcos Felipe.
Mesmo melhor, os cariocas chegaram perto de ampliar o placar. Aos 31, Caio Paulista acionou Luiz Henrique na área, Bruno Méndez falhou no corte, e o atacante bateu cruzado. A bola passou na frente do gol e Fred não chegou a tempo.
Nos acréscimos, o Inter criou a última chance. Patrick cruzou fechado, Marcos Felipe evita o gol em cima da linha, mas bola sobrou para Mercado na linha de fundo. Ele dominou e bateu, mas Yago chegou a tempo e bloqueou. Nem mesmo a esmagadora posse de bola (70% a 30%) e o dobro de finalizações (6x3) evitaram que o Inter encerrasse o primeiro tempo derrotado.
Após dez minutos do segundo tempo, Aguirre resolveu mexer no time, sacando Bruno Méndez e Patrick, colocando Maurício e Cadorini, respectivamente. E, aos poucos, as trocas começaram a se soltar. Aos 18, Maurício arriscou de longe, mas a bola foi para fora.
Três minutos depois, Taison chutou prensado com Samuel Xavier e a bola chegou até Matheus Cadorini, livre na área. O jovem atacante bateu no cantinho, mas a bola caprichosamente saiu muito perto da trave. Aos 29, foi a vez do Flu levar perigo ao gol de Lomba. Marlon cobrou falta na área, e Luccas Claro desviou de leve e a bola passou tirando tinta da trave.
Os minutos finais mostraram um Inter cansado, muito por correr errado, e uma bagunça tática, após tantas trocas de esquema e de jogadores que não resultaram em nada. Já nos acréscimos, em um contra-ataque do Flu, Paulo Victor precisou fazer uma falta dura no meio-campo e acabou expulso. Os cariocas, que não chutaram uma bola no gol do Lomba na etapa final, comemoraram bastante os três pontos conquistados com o gol de Fred no comecinho do jogo.
Fluminense 1 Marcos Felipe; Samuel Xavier, David Braz, Luccas Claro e Marlon; Wellington, Luiz Henrique (Arias), Calegari (Manoel), Yago Felipe e Caio Paulista; Fred (Bobadilla). Técnico: Marcão.
Inter 0 Marcelo Lomba; Mercado, Bruno Méndez (Maurício), Víctor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenílson, Rodrigo Dourado (Heitor), Saravia, Taison e Patrick (Matheus Cadorini); Palacios (Gustavo Maia). Técnico: Diego Aguirre.
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG).
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO