Porto Alegre, sábado, 20 de novembro de 2021.
Dia Nacional da Consciência Negra. Dia Universal das Crianças.
Porto Alegre,
sábado, 20 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Campeonato Brasileiro

- Publicada em 20/11/2021 às 23h39min.

Em jogo aberto, Inter perde para o Flamengo no Beira-Rio

Taison até marcou para o Colorado, mas não foi suficiente para evitar a derrota, em casa

Taison até marcou para o Colorado, mas não foi suficiente para evitar a derrota, em casa


RICARDO DUARTE/INTER/JC
Deivion Ávila
O resultado não foi o esperado, mas o 19 mil torcedores que foram até o Beira-Rio assistiram uma grande partida de futebol. Na noite deste sábado (20), o Inter acabou derrotado pelo Flamengo por 2 a 1, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O revés em casa pode deixar o Colorado ainda mais distante do G-6, que dá a vaga direta para a Libertadores do próximo ano. Na próxima quarta-feira, o Inter vai até o MAracanã, para encarar o Fluminense. 
O resultado não foi o esperado, mas o 19 mil torcedores que foram até o Beira-Rio assistiram uma grande partida de futebol. Na noite deste sábado (20), o Inter acabou derrotado pelo Flamengo por 2 a 1, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O revés em casa pode deixar o Colorado ainda mais distante do G-6, que dá a vaga direta para a Libertadores do próximo ano. Na próxima quarta-feira, o Inter vai até o MAracanã, para encarar o Fluminense. 
O primeiro tempo pode ser dividido em dois momentos. Os primeiros 30 minutos foi um massacre dos cariocas, que marcaram duas vezes e perderam outras chances de transformar a vitória numa goleada. O Rubro-Negro abriu o marcador logo aos três minutos: em jogada rápida pela direita, a bola chegou até Gabigol, que teve tempo de dominar, e bater cruzado no cantinho de Lomba.
Dois minutos depois, o Inter até assustou na bola parada. Taison cobrou falta fechada e Bruno Méndez se antecipou à zaga, mas cabeceou por cima. Entretanto, o Mengão estava arrasador e voltou a marcar aos dez minutos. Em uma bela troca de passes envolvendo Michael, Vitinho, Gabigol e Éverton Ribeiro, a bola chegou de forma mágica até Andreas Pereira. O volante finalizou de primeira, marcando um golaço no Beira-Rio.
O Colorado voltou a assustar aos 16, quando Taison apareceu na segunda trave e chutou forte para boa defesa de Diego Alves. Na sequência, os comandados de Portaluppi desperdiçaram, pelo menos, três chances claras, em contra-ataques, para ampliar a vantagem. Aos 23, com Gabigol, aos 30, com Michael, e, aos 39, com Éverton Ribeiro.
Após se livrar de uma goleada, o Inter descontou, aos 40: em contra-ataque de manual, Taison disparou pelo meio, tabelou com Palacios, recebeu na frente da área e de bico colocou no cantinho de Diego Alves. O gol colocou o Colorado no jogo. Prova disso que, aos 42 e aos 44, Edenilson e Palacios obrigaram Diego Alves a fazer boas defesas e evitar o empate dos donos da casa.
O Inter voltou do vestiário com a mesma força da parte final do primeiro tempo. A partida continuou franca e aberta. Os times seguiram trocando golpes e empilhando finalizações. Lomba parou Michael, Vitinho e Gabigol. Já Diego Alves iniciou o segundo tempo fazendo cera e depois viu Taison desperdiçar uma chance, batendo para fora.
O Flamengo seguiu ameaçando nos contra-ataques. Aos 29, Kenedy parou em grande defesa de Lomba. O Inter respondeu três minutos depois: após cobrança de escanteio, Patrick cabeceou na segunda trave, a bola passou por Diego Alves, mas Willian Arão afastou a bola em cima da linha.
O Flamengo até marcou o terceiro com Kenedy, mas o VAR anulou o gol, por impedimento. O Inter buscou o empate até o último minuto, mas não conseguiu. Após o apito final, o time ganhou o reconhecimento com os aplausos do torcedor.
Inter 1 Marcelo Lomba; Saravia (Heitor), Bruno Méndez, Víctor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado (Maurício), Rodrigo Lindoso, Edenílson, Taison e Patrick (Gustavo Maia); Palacios (Matheus Cadorini). Técnico: Diego Aguirre.
Flamengo 2 Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, David Luiz e Filipe Luís (Ramon); Willian Arão, Andreas Pereira, Vitinho (Kenedy), Éverton Ribeiro (Arrascaeta) e Michael (Rodinei); Gabigol. Técnico: Renato Portaluppi.
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF).
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO