Porto Alegre, domingo, 30 de maio de 2021.
Porto Alegre,
domingo, 30 de maio de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Campeonato Brasileiro

- Publicada em 18h02min, 30/05/2021. Atualizada em 22h42min, 30/05/2021.

Grêmio sofre o castigo e perde para Ceará na estreia do Brasileirão

Tricolor foi a campo sem vários titulares, infectados pelo coronavírus

Tricolor foi a campo sem vários titulares, infectados pelo coronavírus


LUCAS UEBEL /GRÊMIO FBPA/JC
Igor Natusch
Foi com derrota a estreia do Grêmio no Campeonato Brasileiro neste domingo (30). Depois de uma primeira etapa ruim, a equipe gaúcha conseguiu reagir, chegou a ter chances de vencer, mas bobeou no final e perdeu por 3 a 2, em partida disputada no Castelão.
Foi com derrota a estreia do Grêmio no Campeonato Brasileiro neste domingo (30). Depois de uma primeira etapa ruim, a equipe gaúcha conseguiu reagir, chegou a ter chances de vencer, mas bobeou no final e perdeu por 3 a 2, em partida disputada no Castelão.
O Tricolor foi a campo marcado por uma série de casos de Covid-19 no elenco. Pouco antes do começo da partida, o clube anunciou que o técnico Tiago Nunes e os jogadores Pedro Lucas e Rodrigues testaram positivo para o coronavírus. Dias antes, já haviam sido confirmadas as ausências de Diego Souza, Rafinha, Ferreira e Luiz Fernando, além do preparador de goleiros Mauri Lima. Na partida de ontem, o Grêmio foi conduzido pelo auxiliar Evandro Fornari.
Tecnicamente, foi um primeiro tempo pobre. Com um meio campo de volantes marcadores, o Tricolor não conseguia criar chances. O Ceará era igualmente previsível, mas demonstrava mais vibração – e foi assim que chegou ao primeiro gol, aos 36mins. Após erro na saída de bola gremista, Cléber chutou da entrada da área e a bola desviou em Ruan, tirando Brenno da jogada. Instantes depois, o goleiro gremista salvou, em conclusão sem marcação de Rick.
Após o gol, o Tricolor se perdeu, e tomou o segundo aos 43 min. Em contra-ataque, Rick entrou livre e, desta vez, deslocou Brenno: 2 a 0. O cenário era ruim, mas o Grêmio conseguiu descontar antes do intervalo. Em uma bela jogada, Vanderson tabelou com Matheus Henrique e descontou.
No intervalo, o Tricolor fez nada menos que três mudanças, tentando acordar de vez na partida. Deu certo. Logo aos 3 mins, Léo Chú cruzou e Ricardinho, de carrinho, empatou. Mais criativo, o Grêmio tomou conta das ações. Aos 38 mins, um pênalti em cima de Cortez chegou a ser marcado, mas o árbitro conferiu no VAR e voltou atrás.
No final, porém, o Ceará encontrou a vitória. Aos 50 min da etapa final, Brenno parou pedindo impedimento, a bola foi chutada na trave e sobrou para Jorginho, no lado oposto, que mandou para as redes. Castigo para um Grêmio que cresceu na segunda etapa, mas não matou o jogo quando teve a chance.

Escalações

Ceará (3) - João Ricardo (Vinícius Machado); Buiú, Messias, Gabriel Lacerda e Kelvyn; Oliveira, Pedro Naressi (Charles) e Jorginho; Saulo Mineiro (Yoni González), Cléber (João Victor) e Rick (Wendson). Técnico: Guto Ferreira.
Grêmio (2) - Brenno; Vanderson, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Cortez); Thiago Santos, Lucas Silva (Jean Pyerre) e Matheus Henrique; Léo Pereira (Jonatha Robert), Ricardinho e Léo Chú (Guilherme Azevedo). Técnico: Evandro Fornari.
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF).
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário