Porto Alegre, quinta-feira, 13 de maio de 2021.
Porto Alegre,
quinta-feira, 13 de maio de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Sul-Americana

- Publicada em 21h07min, 13/05/2021. Atualizada em 21h38min, 13/05/2021.

Grêmio bate o Lanús por 3 a 1 e encaminha vaga nas oitavas de final da Sul-Americana

Com dois gols marcados na vitória gremista, Ferreirinha foi o nome do jogo, na Arena

Com dois gols marcados na vitória gremista, Ferreirinha foi o nome do jogo, na Arena


SILVIO AVILA/AFP/JC
Deivison Ávila
O Grêmio confirmou seu favoritismo nesta quinta-feira (13), na Arena, e praticamente confirmou presença nas oitavas de final da Sul-Americana. Diante do limitado Lanús, o Tricolor construiu a vitória com uma grande atuação de Ferreirinha e bateu os argentinos por 3 a 1. Com 12 pontos e saldo de 12 gols, o Tricolor precisa apenas de um empate nos próximos dois jogos contra La Equidad e Aragua, ambos fora de casa.
O Grêmio confirmou seu favoritismo nesta quinta-feira (13), na Arena, e praticamente confirmou presença nas oitavas de final da Sul-Americana. Diante do limitado Lanús, o Tricolor construiu a vitória com uma grande atuação de Ferreirinha e bateu os argentinos por 3 a 1. Com 12 pontos e saldo de 12 gols, o Tricolor precisa apenas de um empate nos próximos dois jogos contra La Equidad e Aragua, ambos fora de casa.
O jogo começou agitado na noite fria na Arena. Logo aos dois minutos de bola rolando, o Tricolor pulou na frente do placar: Ferreirinha cruzou para Matheus Henrique, que livre dentro da área, cabeceou para o fundo das redes. Só que três minutos depois, os argentinos deram o troco. De la Vega cobrou escanteio, a bola viajou até Burdisso, que livre, testou para empatar a partida. A bola aérea defensiva do Grêmio vem falhando com certa frequência.
Os gols precoces deixaram a partida ainda mais aberta e os donos da casa seguiram controlando as ações, prova disso que, aos 23 minutos, voltaram à frente do marcador: Ferreirinha tabelou com Rafinha, que cruzou na cabeça do atacante, que surgiu como uma flecha para estufar as redes.
O Lanús seguiu em busca de um novo empate e, aos 33 minutos, a defesa tricolor falhou e Acosta acionou Sand, livre, cara a cara com Brenno, que isolou por cima do gol. Já no finalzinho da primeira etapa, Thiago Santos caiu no gramado, levou a mão na coxa esquerda e precisou ser substituído. Maicon entrou no seu lugar.
O segundo tempo foi bem menos intenso, com as equipes até trocando alguns golpes. Aos oito minutos, Lucas Silva cruzou rasteiro para Ferreira, mas Aguirre afastou de carrinho para salvar o Lanús. No lance seguinte, no contra-ataque, Orsini tocou para De la Vega, que bateu na rede pelo lado de fora.
Mas aos 32 minutos, o Grêmio colocou a pá de cal nos argentinos e encaminhou a vaga nas oitavas de final do torneio: Ferreirinha recebeu de Diego Souza com o gol livre e só empurrou para o fundo das redes, dando números finais ao confronto.
No outro jogo do grupo, na Venezuela, o Aragua acabou derrotado por 2 a 1 pelos colombianos do La Equidad.
Grêmio 3
Brenno; Rafinha, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Maicon), Matheus Henrique (Darlan) e Lucas Silva; Luiz Fernando (Guilherme Azevedo), Ferreira (Léo Pereira) e Diego Churín (Diego Souza). Técnico: Tiago Nunes.
Lanús 1
Morales; Aguirre, Guillermos Burdisso, Alexis Pérez e Bernabéi; Aude (Esquivel), De La Vega, Cechi (Vera), Bernabei e Lautaro Acosta (Besozzi); Orsini (Orozco) e Sand (José López). Técnico: Luiz Zubeldia.
Árbitro: Daniel Fedorczuk (URU).
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário