Porto Alegre, terça-feira, 06 de abril de 2021.
Porto Alegre,
terça-feira, 06 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Inter

- Publicada em 21h12min, 05/04/2021.

Miguel Ángel Ramírez terá 10 dias para aprimorar esquema de jogo

Após derrota no Grenal, treinador reconheceu que a equipe precisa concluir mais a gol

Após derrota no Grenal, treinador reconheceu que a equipe precisa concluir mais a gol


/RICARDO DUARTE/INTER/JC
Deivison Ávila
Uma derrota num clássico sempre liga um sinal de alerta, mesmo que o trabalho seja recente. No caso do técnico Miguel Ángel Ramírez, foram apenas seis jogos, mas o revés diante do maior rival provocou questionamentos. A principal crítica sofrida pelo treinador, no jogo do último sábado (3), foi em relação à pouca conclusão a gol em relação à posse de bola. O Inter teve 70% e concluiu apenas duas vezes.
Uma derrota num clássico sempre liga um sinal de alerta, mesmo que o trabalho seja recente. No caso do técnico Miguel Ángel Ramírez, foram apenas seis jogos, mas o revés diante do maior rival provocou questionamentos. A principal crítica sofrida pelo treinador, no jogo do último sábado (3), foi em relação à pouca conclusão a gol em relação à posse de bola. O Inter teve 70% e concluiu apenas duas vezes.
A esmagadora posse de bola assusta porque grande parte desse tempo o time trocou passes no campo defensivo sem apresentar nenhuma ameaça ao adversário. Além disso, a lentidão na transição entre as linhas ficou evidente. Só em recuos ao goleiro Marcelo Lomba foram 40.
Questionado sobre essa posse inútil, o treinador espanhol foi direto: "Há um problema maior quando não se cria. Hoje (sábado), criamos. Não concluir, bom, vamos trabalhar para esse último momento", prometeu Ramírez. O clássico foi a segunda partida em que a equipe não balançou as redes. Pior, a derrota para o rival tirou a liderança do Campeonato Gaúcho.
Para aprimorar o esquema e reencontrar o caminho dos gols, o treinador terá, pelo menos, 10 dias livres para trabalhar. Nesse período, a tendência é de que Carlos Palácio assuma a titularidade. Com pouco treinos e ainda conhecendo o estilo de cada companheiro, o chileno aproveitará esse período para ganhar ritmo de jogo e entrosamento.
O próximo adversário colorado será o Aimoré, fora de casa, pela 10ª rodada do Gauchão no final da próxima semana. A Federação Gaúcha de Futebol ainda não definiu a data do confronto, que deve ser em 17 ou 18 de abril. Assim, Ramírez ganhará tempo para impor suas ideias e recuperar alguns atletas que ainda não entenderam o seu estilo de jogo.
Comentários CORRIGIR TEXTO