Porto Alegre, quarta-feira, 31 de março de 2021.
Dia da Integração Nacional. Dia da Saúde e Nutrição.
Porto Alegre,
quarta-feira, 31 de março de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Campeonato Gaúcho

- Publicada em 22h06min, 31/03/2021.

Inter para no goleiro Fábio e fica no 0 a 0 com o São José

Na estreia de Palacios, atacante chileno entrou na etapa final e teve boa movimentação

Na estreia de Palacios, atacante chileno entrou na etapa final e teve boa movimentação


RICARDO DUARTE/INTER/JC
Deivison Ávila
O Inter não venceu o São José, nesta quarta-feira (31), no Beira-Rio, porque o goleiro Fábio foi o grande nome da partida. O empate sem gols com o São José, pela 8ª rodada do Campeonato Gaúcho, passou diretamente pelo camisa 1 do Zequinha. Ele fez quatro grandes defesas e parou o ataque colorado. O resultado mantém o time de Miguel Ángel Ramírez na liderança da competição, agora, com 17 pontos.
O Inter não venceu o São José, nesta quarta-feira (31), no Beira-Rio, porque o goleiro Fábio foi o grande nome da partida. O empate sem gols com o São José, pela 8ª rodada do Campeonato Gaúcho, passou diretamente pelo camisa 1 do Zequinha. Ele fez quatro grandes defesas e parou o ataque colorado. O resultado mantém o time de Miguel Ángel Ramírez na liderança da competição, agora, com 17 pontos.
O Inter dominou totalmente as ações na primeira etapa. Restou ao time da Zona Norte da Capital se defender. Com mais posse de bola, apenas os donos da casa criaram chances ofensivas. Faltou um pouco de velocidade e uma saída mais rápida para romper as linhas defensivas do Zequinha.
A primeira oportunidade saiu aos 28 minutos: Guerrero encontrou Lindoso dentro da área, mas o volante deu um biquinho e chutou para fora. Aos 39, foi a vez de Patrick. O camisa 88 recebeu lançamento e chegou batendo. Atento, Fábio salvou o São José. Já aos 44, saiu a melhor chance colorada: Cuesta cruzou e Caio Vidal chutou forte para o experiente goleiro do Zeca evitar o primeiro gol da partida. Na sequência, o zagueiro argentino cabeceou e Fábio brilhou mais uma vez.
O Inter voltou morno para o segundo tempo. Sem ser muito acionado, Guerrero saiu para a estreia de Carlos Palacios. A outra troca foi Patrick por Galhardo e as mudanças mexeram positivamente no time. Aos 24, Cuesta lançou Galhardo. O meia-atacante saiu na cara de Fábio, que salvou o Zeca mais uma vez.
Aos 29, foi a vez dos visitantes chegarem com perigo: Kelvin arrancou pela direita, invadiu a área e chutou para grande defesa de Daniel. A resposta veio no lance seguinte com a participação de Palacios. O chileno puxou contra-ataque pela esquerda e deu ótima metida para Edenilson, na cara do gol, mas Fábio bloqueou. Na sobra, o chileno bateu para mais uma defesa do camisa 1.
Nos acréscimos, após jogada individual de Praxedes, Samuel cortou, mas a bola caiu nos pés de Lucas Ramos. O garoto chutou e Fábio saltou para salvar o São José pela última vez. Agora, tudo é Grenal. No próximo sábado, às 22h15min, o Inter visita o Grêmio, na Arena.
Inter 0 Daniel; Heitor, Zé Gabriel, Víctor Cuesta e Léo Borges; Rodrigo Lindoso (Lucas Ramos), Edenilson e Maurício (Yuri Alberto); Caio Vidal (Praxedes), Guerrero (Carlos Palacios) e Patrick (Thiago Galhardo). Técnico: Miguel Ángel Ramírez.
SãoJosé 0 Fábio; Samuel, Pablo Ricardo, Victor Sallinas e Marcelo; Fabiano (Bruno Jesus), Lissandro, França (Thiago Duchatsch), Rafael Tavares (Crystopher) e Alessandro Vinícius (Kelvin); Luiz Eduardo (Cláudio Maradona). Técnico: Hélio Vieira.
Árbitro: Daniel Nobre Bins.
Comentários CORRIGIR TEXTO