Porto Alegre, quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Tênis

- Publicada em 15h50min, 17/02/2021. Atualizada em 15h54min, 17/02/2021.

Aberto da Austrália: Bruno Soares e Jamie Murray vencem e avançam à semifinal de duplas

Brasileiro (direita) voltou a jogar com o britânico após um ano e meio

Brasileiro (direita) voltou a jogar com o britânico após um ano e meio


RICHARD HEATHCOTE/GETTY IMAGES/AFP/JC
O grande início de temporada do brasileiro Bruno Soares e do britânico Jamie Murray continua com tudo. A dupla, que voltou a se reunir após um ano e meio, venceu a sua oitava partida consecutiva em Melbourne e se garantiu nesta quarta-feira (17) nas semifinais do Aberto da Austrália, ao derrotar a parceria formada pelo salvadorenho Marcelo Arevalo e pelo holandês Matwe Middelkoop por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/4, após 1 hora e 12 minutos.
O grande início de temporada do brasileiro Bruno Soares e do britânico Jamie Murray continua com tudo. A dupla, que voltou a se reunir após um ano e meio, venceu a sua oitava partida consecutiva em Melbourne e se garantiu nesta quarta-feira (17) nas semifinais do Aberto da Austrália, ao derrotar a parceria formada pelo salvadorenho Marcelo Arevalo e pelo holandês Matwe Middelkoop por 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/4, após 1 hora e 12 minutos.
"Foi mais um grande jogo aqui, do início ao fim. Fiquei bem feliz com a performance, nós conseguimos neutralizar bem os nossos adversários. Eles são caras que jogam muito firmes no fundo de quadra, mas nós conseguimos ser bastante agressivos e também sacamos muito bem", disse o brasileiro, contente com o desempenho.
Na luta por uma vaga na grande decisão, Soares e Murray terão a difícil missão de derrubar o americano Rajeev Ram e o britânico Joe Salisbury, os cabeças de chave 5 e atuais campeões do torneio, que, nas quartas de final, levaram a melhor sobre o neozelandês Marcus Daniell e o austríaco Philipp Oswald em sets diretos, com placar final de 7/6 (8/6) e 6/2.
"É mais uma semifinal de Grand Slam, a terceira seguida, e com gosto de final. Vamos jogar contra os atuais campeões, que é uma dupla top e que vem jogando super bem. Fiz um jogaço contra eles em Roland Garros no ano passado também. Estou muito feliz com tudo isso aqui", continuou o atual número 5 do mundo.
"Foi um torneio sem muitas surpresas. Teve uma ou outra, mas restaram quatro times duríssimos na semifinal. Agora é o momento da linha de chegada, então nós temos que jogar o nosso melhor para ter uma chance de alcançar o objetivo final", finalizou Soares.
Na outra semifinal, os croatas Nikola Mektic e Mate Pavic, cabeças de chave número 2, enfrentarão a dupla formada pelo também croata Ivan Dodig e pelo eslovaco Filip Polasek, que formam a nona parceria pré-classificada no Grand Slam australiano.
Comentários CORRIGIR TEXTO