Porto Alegre, segunda-feira, 09 de novembro de 2020.
Dia do Hoteleiro.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 09 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Grêmio

- Publicada em 21h06min, 08/11/2020.

César Pinares da Católica do Chile é o reforço para o meio-campo

Meia chileno de 29 anos já está em Porto Alegre e deve ser apresentado nos próximos dias

Meia chileno de 29 anos já está em Porto Alegre e deve ser apresentado nos próximos dias


/UNIVERSIDAD CATÓLICA/DIVULGAÇÃO/JC
O Grêmio foi a luta em busca de uma opção para o meio-campo e chegou ao nome de César Pinares. O jogador da Universidad Católica do Chile já está em Porto Alegre e deve ser apresentado nos próximos dias. Depois de ter frustrada a investida em Gastón Ramírez, da Sampdoria, a direção chegou ao atleta, que enfrentou a dupla Grenal na primeira fase da Libertadores. O reforço foi confirmado ontem no site do clube.
O Grêmio foi a luta em busca de uma opção para o meio-campo e chegou ao nome de César Pinares. O jogador da Universidad Católica do Chile já está em Porto Alegre e deve ser apresentado nos próximos dias. Depois de ter frustrada a investida em Gastón Ramírez, da Sampdoria, a direção chegou ao atleta, que enfrentou a dupla Grenal na primeira fase da Libertadores. O reforço foi confirmado ontem no site do clube.
Pinares vem a pedido do técnico Renato Portaluppi. O meia tinha contrato com a Católica até o final de 2021. Após se acertar com o clube gaúcho, a direção definiu os valores e o chileno assinará com o Tricolor por duas temporadas, renovável por mais uma. O jogador de 29 anos e 1m76cm de altura tem como caraterística a conclusão de longa e média distância. Além disso, já foi convocado nove vezes para a seleção do Chile e tem um gol marcado.
Ao contrário do que muitos imaginam, Pinares não atua como um camisa 10, mas pode pensar o jogo. O meio-campista surgiu nas categorias de base do Colo-Colo antes de se transferir para o ChievoVerona, da Itália. Sem sucesso, retornou ao Chile, passando por vários clubes até se firmar na Católica.
Comentários CORRIGIR TEXTO