Porto Alegre, terça-feira, 03 de novembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 03 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Copa do Brasil

- Publicada em 21h56min, 02/11/2020.

Inter joga por um empate para ir às quartas de final da Copa do Brasil

Expulso no Brasileirão, Thiago Galhardo é presença certa

Expulso no Brasileirão, Thiago Galhardo é presença certa


/RICARDO DUARTE/INTER/JC
A vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-GO na semana passada deixou o Inter muito perto da vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. O time de Eduardo Coudet joga por qualquer empate para avançar na competição, hoje, às 21h30min, no Beira-Rio, na partida de volta pelas oitavas.
A vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-GO na semana passada deixou o Inter muito perto da vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. O time de Eduardo Coudet joga por qualquer empate para avançar na competição, hoje, às 21h30min, no Beira-Rio, na partida de volta pelas oitavas.
O principal reforço da equipe será Thiago Galhardo, já que ele foi expulso na derrota por 1 a 0 para o Corinthians, sábado passado, em São Paulo, pelo Brasileirão. Mesmo com o tropeço, após seis jogos sem perder no Nacional, o Inter encerrou o primeiro turno na liderança, com os mesmos 35 pontos do Flamengo, as mesmas 10 vitórias, porém, com um saldo melhor (14 a 8).
Além da busca por uma conquista nacional, a Copa do Brasil pode representar um alívio nas finanças do clube, em ano atípico com a pandemia do novo coronavírus. Para que o clube tenha ganhos reais em premiação nos cofres, será preciso chegar às semifinais da Copa do Brasil e nas quartas de final da Libertadores da América.
No torneio continental, atingir o plano previsto no orçamento requer passar pelo Boca Juniors nas oitavas. Chegar às quartas renderia um total de US$ 5,5 milhões (R$ 31,5 mi). Já ir até a semifinal da Copa do Brasil significaria receber R$ 12,9 milhões.
Qualquer vitória ou empate diante do Atlético-GO mantém o sonho colorado de reforçar os cofres do clube. Se perder por até um gol de diferença, decidirá a vaga nos pênaltis. Não há gol qualificado. Tal como no confronto de ida das oitavas, Coudet deverá poupar parte de seus titulares, já que o calendário cheio desafia o elenco curto, conforme definição do próprio treinador.
Rodrigo Moledo será reavaliado e pode reforçar o time. A provável escalação colorada tem Marcelo Lomba; Heitor (Rodinei), Zé Gabriel (Moledo), Cuesta e Moisés; Lindoso (Musto), Nonato (Marcos Guilherme), Edenilson (Johnny) e Patrick; Leandro Fernández (Abel Hernández) e Galhardo.
Já o Dragão, comandado pelo interino Eduardo Souza, deve ter Jean; Luan, João Victor, Gilvan e Nicolas; Marlon Freitas, Willian Maranhão e Chico (Wellington Rato); Janderson, Zé Roberto e Matheus Vargas.
Comentários CORRIGIR TEXTO