Porto Alegre, segunda-feira, 21 de setembro de 2020.
Dia da Árvore. Dia do Radialista e do Fazendeiro.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 21 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Libertadores da América

- Publicada em 23h35min, 16/09/2020. Atualizada em 12h13min, 21/09/2020.

Grêmio repete más atuações e perde para a Universidad Católica

Com dois gols em dois minutos, os chilenos nocautearam o time de Portaluppi

Com dois gols em dois minutos, os chilenos nocautearam o time de Portaluppi


ELVIS GONZALES/AFP/JC
Deivison Ávila
Nos últimos seis jogos, são três derrotas, dois empates e apenas uma vitória. A má fase e a atuação precária se repetiram também na Libertadores da América. Nesta quarta-feira (16), o Grêmio não se achou em campo e acabou derrotado pela Universidad Católica por 2 a 0, no estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile. O tropeço aos pés da Cordilheira dos Andes coloca fogo no segundo clássico Grenal pelo torneio continental, na próxima semana. O Tricolor acabou a 3ª rodada, com quatro pontos, três atrás do líder Inter.
Nos últimos seis jogos, são três derrotas, dois empates e apenas uma vitória. A má fase e a atuação precária se repetiram também na Libertadores da América. Nesta quarta-feira (16), o Grêmio não se achou em campo e acabou derrotado pela Universidad Católica por 2 a 0, no estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile. O tropeço aos pés da Cordilheira dos Andes coloca fogo no segundo clássico Grenal pelo torneio continental, na próxima semana. O Tricolor acabou a 3ª rodada, com quatro pontos, três atrás do líder Inter.
A primeira etapa do Grêmio foi uma das piores apresentadas nos quatro anos de Renato Portaluppi no comando do time. Se não bastassem os desfalques por lesão, os jogadores escolhidos foram muito abaixo do esperado. Para piorar, Pedro Geromel, com lesão muscular, precisou ser substituído por Rodrigues. Um pouco antes, Fuenzalida já havia acertado a trave de Vanderlei.
Dois minutos depois da saída do camisa 3, os chilenos abriram o marcador. Rebolledo foi ao fundo pela esquerda e levantou na área. Lezcano desviou e a bola se apresentou para Zampedri, que dominou e bateu forte para marcar. Tonto como um boxeador nas cordas, o time de Portaluppi levou o segundo. Aos 45, Aued lançou nas costas de Rodrigues, Pinares dominou dentro da área, deu um balãozinho em Vanderlei e tocou para o gol vazio de cabeça.
O cenário seguiu sombrio no segundo tempo para o Tricolor. Fisicamente desgastado e tecnicamente capenga, o Grêmio não conseguiu criar nada. Nem mesmo as entradas de Robinho, Ferreira, Rildo e Guilherme Azevedo conseguiram mudar a partida.
Aos 18, a Católica quase ampliou: Lezcano encontrou Aued na entrada da área, mas o meio-campista bateu para fora. Três minutos depois, Zampedri não marcou o terceiro porque Cortez evitou o chute dentro da área. Para piorar ainda mais as coisas, aos 40, David Braz dominou mal, tentou chutar a bola e acertou um jogador da La U. Cartão vermelho para o defensor gremista. A derrota não foi pior porque os chilenos desperdiçaram muitas chances.

Escalação

Universidad Católica
Dituro; Fuenzalida, Lanaro, Huerta e Rebolledo; Pinares (Marcelino Núñez), Saavedra (Francisco Silva) e Aued; Lezcano (Munder), Zampedri (Valencia) e Puch (Buonanotte). Técnico: Ariel Holan.
Grêmio 
Vanderlei; Orejuela, Geromel (Rodrigues), David Braz e Cortez; Darlan (Guilherme Azevedo), Matheus Henrique, Alisson (Rildo), Isaque (Ferreira) e Luiz Fernando (Robinho); Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi.
Árbitro: Dario Herrera (ARG)
Comentários CORRIGIR TEXTO