Porto Alegre, sexta-feira, 04 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 04 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Campeonato Brasileiro

- Publicada em 21h02min, 03/09/2020. Atualizada em 18h04min, 04/09/2020.

Grêmio perde para o Sport, em casa, e amplia série de jogos sem vitórias

Novidade entre os titulares, Thiago Neves nada fez para ajudar a equipe

Novidade entre os titulares, Thiago Neves nada fez para ajudar a equipe


/LUCAS UEBEL /GRÊMIO FBPA/JC
Deivison Ávila
A noite desta quinta-feira (3) era para ser de retomada das vitórias no Campeonato Brasileiro. Só que o Grêmio foi surpreendido com um gol bem no início da partida e não soube reagir. Após quatro empates na competição, o Tricolor acabou derrotado pelo lanterna Sport por 2 a 1, nesta quinta-feira, pela 7ª rodada. No domingo (6), às 19h, o Grêmio visita o Atlético-GO.
A noite desta quinta-feira (3) era para ser de retomada das vitórias no Campeonato Brasileiro. Só que o Grêmio foi surpreendido com um gol bem no início da partida e não soube reagir. Após quatro empates na competição, o Tricolor acabou derrotado pelo lanterna Sport por 2 a 1, nesta quinta-feira, pela 7ª rodada. No domingo (6), às 19h, o Grêmio visita o Atlético-GO.
O técnico Renato Portaluppi surpreendeu com a escalação de Thiago Neves na vaga de Jean Pyerre. Só que a surpresa mesmo foi o gol do Sport logo aos quatro minutos de bola rolando. A defesa do Grêmio fez uma linha de impedimento burra e Patric surgiu livre na direita, chutando no ângulo do goleiro Vanderlei. A bandeirinha marcou impedimento, mas o VAR corrigiu o erro e validou o gol.
Os donos da casa criaram quatro chances para empatar a partida ainda no primeiro tempo. Aos 23, Éverton chutou com perigo de fora da área. As outras oportunidades vieram com a novidade da noite: Thiago Neves. Ele tentou chutando de longe, de cabeça e de dentro da área, mas todas sem sucesso.
O Tricolor voltou com Pepê no lugar de Cortez. E o titular do ataque quase marcou aos oito minutos, mas Luan Polli espalmou um bom chute do atacante gremista. Aos 20, Pepê, desta vez, perdeu um gol inacreditável, chutando por cima. E o que estava ruim, ficou ainda pior. Aos 26, Jean Pyerre fez uma falta infantil dentro da área no primeiro ataque do Sport na etapa final. Na cobrança de pênalti, Maidana ampliou para os visitantes.
Aos 32, Robinho, que acabara de entrar, acertou ótimo passe para Pepê descontar para o Grêmio. O gol deu um novo ânimo e a equipe foi para cima, mas não conseguiu mudar o resultado.
Comentários CORRIGIR TEXTO