Porto Alegre, segunda-feira, 20 de julho de 2020.
Dia do Amigo.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 20 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

MMA

- Publicada em 20h26min, 19/07/2020. Alterada em 20h26min, 19/07/2020.

Deiveson Figueiredo finaliza Benavidez e é campeão do UFC

Com o triunfo, o Brasil volta a ter um cinturão entre os homens desde 2017

Com o triunfo, o Brasil volta a ter um cinturão entre os homens desde 2017


/JEFF BTTARI/ZUFFA LLC/AFP/JC
Com uma atuação incomum para uma disputa de título, Deiveson Figueiredo foi implacável e atropelou Joseph Benavidez, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. O brasileiro finalizou o norte-americano com um mata-leão aos 4min48 do primeiro round e se tornou o novo campeão peso-mosca (até 57kg) do UFC.
Com uma atuação incomum para uma disputa de título, Deiveson Figueiredo foi implacável e atropelou Joseph Benavidez, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. O brasileiro finalizou o norte-americano com um mata-leão aos 4min48 do primeiro round e se tornou o novo campeão peso-mosca (até 57kg) do UFC.
Deiveson dominou a luta, tendo aplicado três knockdowns em Benavidez, que resistiu o quanto conseguiu e ainda escapou de dois mata-leões antes de sofrer o golpe derradeiro que deu o título dos moscas para o brasileiro. "Estou muito feliz, trabalhei duro para isso, sabia que meu momento ia chegar. Vou trabalhar duro para manter por muito tempo. Eu sou o campeão e estarei sempre preparado para os próximos desafios", prometeu.
Com a vitória, o Brasil volta a ter um campeão nas divisões masculinas do UFC pela primeira vez desde junho de 2017, quando José Aldo perdeu o título dos penas para Max Holloway. Outros cinco brasileiros subiram ao octógono na Ilha da Luta e, além de Deiveson, só Ariane Lipski saiu vitoriosa, após derrotar a compatriota Luana Dread pelo peso-mosca.
Comentários CORRIGIR TEXTO