Porto Alegre, sábado, 18 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 18 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Grêmio

- Publicada em 20h54min, 02/07/2020. Alterada em 20h54min, 02/07/2020.

Bolzan sugere declarar Caxias campeão do Gauchão

Presidente gremista acredita que data do Estadual podem coincidir com Brasileirão

Presidente gremista acredita que data do Estadual podem coincidir com Brasileirão


LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA/Reprodução/JC
Deivison Ávila
O presidente Romildo Bolzan Jr. deu declarações fortes nesta quinta-feira (2). Sem esconder a frustração pelos vetos do governador Eduardo Leite aos treinos com contato físico, o mandatário gremista justificou a ida do clube para Santa Catarina e ainda cogitou a possibilidade de o Campeonato Gaúcho não ser encerrado dentro de campo. Bolzan está participando efetivamente no processo de logística para a ida do elenco para Criciúma, ainda sem data confirmada e sem o período de permanência estipulado.
O presidente Romildo Bolzan Jr. deu declarações fortes nesta quinta-feira (2). Sem esconder a frustração pelos vetos do governador Eduardo Leite aos treinos com contato físico, o mandatário gremista justificou a ida do clube para Santa Catarina e ainda cogitou a possibilidade de o Campeonato Gaúcho não ser encerrado dentro de campo. Bolzan está participando efetivamente no processo de logística para a ida do elenco para Criciúma, ainda sem data confirmada e sem o período de permanência estipulado.
"A ida é questão técnica, para dar continuidade na preparação. Precisamos dar um passo à frente no cronograma que foi estabelecido no futebol brasileiro, que prevê o início do campeonato para o dia 9 de agosto. Após tanto tempo de treino físico, é preciso evoluir para os contatos, principalmente coletivos e táticos", justificou.
Neste cenário, o presidente acredita que não terá datas suficientes para o Gauchão sem que o calendário conflite com o Nacional. "Estamos confiantes que o campeonato aconteça. Ainda tem sete datas para cumprir e a coincidência de datas poderá ser um fator complicador. Caso não tenhamos condições sanitária para avançarmos, creio que seja melhor declararmos o Caxias campeão", prevê Bolzan.
Comentários CORRIGIR TEXTO