Porto Alegre, quinta-feira, 14 de maio de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 14 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Olimpíadas

Alterada em 14/05 às 15h23min

Fiba anuncia datas dos pré-olímpicos do basquete masculino para Jogos de Tóquio

Jogos determinam os quatro lugares restantes nas Olimpíadas de Tóquio

Jogos determinam os quatro lugares restantes nas Olimpíadas de Tóquio


Ye Aung Thu / AFP/ JC
A Federação Internacional de Basquete (Fiba) anunciou, nesta quinta-feira (14), que os torneios pré-olímpicos de basquete masculino, que vão apontar os quatro lugares restantes para a Olimpíada de Tóquio, adiadas para 2021, serão realizados entre os dias 29 de junho e 4 de julho do ano que vem, com os grupos e locais já sorteados. O vencedor de cada evento irá para os Jogos.
A Federação Internacional de Basquete (Fiba) anunciou, nesta quinta-feira (14), que os torneios pré-olímpicos de basquete masculino, que vão apontar os quatro lugares restantes para a Olimpíada de Tóquio, adiadas para 2021, serão realizados entre os dias 29 de junho e 4 de julho do ano que vem, com os grupos e locais já sorteados. O vencedor de cada evento irá para os Jogos.
Em Belgrado (Sérvia) jogam: República Dominicana, Nova Zelândia, Sérvia, Porto Rico, Itália e Senegal; em Kaunas (Lituânia), os lituanos entrarão em quadra contra Coreia do Sul, Venezuela, Polônia, Eslovênia e Angola.
Em Split (Croácia), será a sede que terá a participação brasileira, juntamente com os anfitriões, Alemanha, Rússia, México, Tunísia. Em Vitória (Canadá), os canadenses terão pela frente Grécia, Canadá, Uruguai, República Tcheca e Turquia.
A Espanha, atual campeã mundial na China em 2019, já tem vaga garantida para o torneio olímpico, como Argentina, Austrália, França, Irã, Japão (como anfitrião), Nigéria e Estados Unidos.
O torneio olímpico de basquete feminino, que pôde definir seus classificados antes da pandemia do coronavírus, será disputado por Austrália, Bélgica, Canadá, China, França, Japão, Coreia do Sul, Nigéria, Porto Rico, Sérvia, Estados Unidos e Espanha, que conquistaram seu lugar na qualificação em Belgrado (Sérvia), em fevereiro.
Comentários