Porto Alegre, domingo, 23 de fevereiro de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Esportes

Alterada em 23/02 às 19h55min

Notas Esportivas

 
  • Campeonato Carioca - O Flamengo venceu o Boavista por 2 a 1, sábado (22), e garantiu o título da Taça Guanabara. Com o resultado, o Mengão garante uma das vagas na decisão do Estadual.
  • Itália - O temor com o aumento de casos de Coronavírus levou ao cancelamento de várias competições esportivas no país. Pelo menos quatro partidas da Série A do Campeonato Italiano foram canceladas, sem nova data para disputa. Há risco de que jogos de competições europeias, marcadas para o meio de semana, também sejam suspensos. Além do futebol, esportes como basquete, vôlei, rúgbi, hóquei no gelo e patinação artística também tiveram disputas adiadas ou canceladas.
  • Basquete - A seleção masculina venceu sua estreia nas Eliminatórias da Copa América de 2021. Na sexta-feira (21), em São José dos Pinhais (PR), os brasileiros derrotaram o Uruguai por 83 a 72. As duas equipes voltam a se enfrentar nesta segunda-feira (24), às 21h, em Montevidéu, no Uruguai.
  • Judô - A gaúcha Mayra Aguiar ficou com a prata no Grand Slam de Dusseldorf, na Alemanha. Neste domingo (23), ela acabou derrotada pela japonesa Shori Amada na decisão da categoria até 78kg. A outra medalha brasileira foi de Rafael Silva, que levou o bronze na categoria acima de 100kg.
  • Tênis - Luisa Stefani não conseguiu ir muito longe na chave de duplas do Torneio de Doha, no Catar. A dupla formada por ela e pela norte-americana Hayley Carter perdeu na estreia, disputada neste domingo (23), para a japonesa Makoto Ninomiya e a chinesa Zhaoxuan Yang por 2 sets a 1 (6/2, 3/6 e 10/7).
  • Atletismo - A corredora etíope bateu, na sexta-feira (21), o recorde mundial da meia maratona em Ras al-Khaimah, nos Emirados Árabes Unidos. Usando um tênis com tecnologia moderna, ela completou os 21 quilômetros da prova em 1h04min31seg, vinte segundos abaixo do recorde.