Porto Alegre, terça-feira, 18 de fevereiro de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Campeonato Gaúcho

14/02/2020 - 09h16min. Alterada em 14/02 às 09h16min

Primeiro grenal poderá ter até sete estreantes

 A lista ajuda a montar o cenário em que o jogo deste sábado, com início às 16h30min

A lista ajuda a montar o cenário em que o jogo deste sábado, com início às 16h30min


LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/DIVULGAÇÃO/JC
Folhapress
O Grenal 423, válido pela semifinal do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, deve reunir pelo menos sete atletas que nunca atuaram no clássico. A lista ajuda a montar o cenário em que o jogo deste sábado (15), com início às 16h30min, está metido.
O Grenal 423, válido pela semifinal do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, deve reunir pelo menos sete atletas que nunca atuaram no clássico. A lista ajuda a montar o cenário em que o jogo deste sábado (15), com início às 16h30min, está metido.
Mesmo que valha vaga na decisão - na qual o vencedor do Grenal vai encarar o ganhador do duelo entre Caxias e Ypiranga -, o clássico gaúcho tem cara de teste para os dois lados da rivalidade. Provas distintas, mas exames relevantes.
O Inter, mesmo com o jogo de ida da terceira fase preliminar da Copa Libertadores na próxima semana, contra o Tolima (COL) deve usar time titular. A formação, a ser confirmada, terá quatro debutantes no clássico: Rodinei, Moisés, Musto e Gabriel Boschilia ou Marcos Guilherme, que disputam vaga do lesionado Patrick.
O time de Eduardo Coudet despachou a Universidad de Chile e avançou na Libertadores, mas ainda convive com dúvidas especialmente em relação ao setor ofensivo. O encaixe procurado para dar suporte a Paolo Guerrero não decolou.
A saída de bola com três jogadores na primeira linha defensiva, com Musto entre os zagueiros, é um dos princípios que mais tem chamado atenção, além da orientação para D'Alessandro ser atacante e não mais meia. Falta ajuste fino entre o meio-campo para tornar a posse de bola efetiva.
Do lado do Grêmio, a lista de estreantes em clássico pode ter até três nomes, com Vanderlei, Victor Ferraz e Lucas Silva. O volante, no entanto, pode perder lugar entre os titulares caso Matheus Henrique, que estava na seleção olímpica, seja liberado pela preparação física.
O time de Renato Portaluppi iniciou a temporada com maior aposta na técnica e demonstrando menos intensidade à frente da área. Victor Ferraz, por outro lado, é o reforço com melhor início de ano. O lateral-direito aportou profundidade e dinamismo ao flanco do time.
Já a presença de Diego Souza se mostrou decisiva. O ex-volante e agora centroavante marcou contra o Esportivo e também diante do Aimoré, ambos pelo estadual. A atuação em São Leopoldo, a mais recente do time, suscitou dúvidas em relação ao rendimento e por isso o Gre-Nal também é visto como chance de recuperação.