Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 23 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Gaúcho

23/01/2020 - 23h46min. Alterada em 23/01 às 23h58min

Coudet estreia com vitória do Inter sobre o Juventude no Gauchão

Mesmo com time reserva, já se pôde observar o 4-1-3-2 do Colorado de 2020

Mesmo com time reserva, já se pôde observar o 4-1-3-2 do Colorado de 2020


RICARDO DUARTE/INTERNACIONAL/DIVULGAÇÃO/JC
O novo técnico colorado, Eduardo Coudet, estreou impondo seu novo estilo de jogo com vitória de 1 a 0 ante o Juventude, no estádio Alfredo Jaconi, nesta quinta-feira (23), em Caxias do Sul. Outro estreante, Thiago Galhardo marcou de pênalti para garantir a vitória no primeiro jogo do Internacional no Campeonato Gaúcho 2020.
O novo técnico colorado, Eduardo Coudet, estreou impondo seu novo estilo de jogo com vitória de 1 a 0 ante o Juventude, no estádio Alfredo Jaconi, nesta quinta-feira (23), em Caxias do Sul. Outro estreante, Thiago Galhardo marcou de pênalti para garantir a vitória no primeiro jogo do Internacional no Campeonato Gaúcho 2020.
{'nm_midia_inter_thumb1':'', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5c6f03d777ac4', 'cd_midia':8634598, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/gif/2019/02/21/banner_whatsapp_280x50px_branco-8634598.gif', 'ds_midia': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'ds_midia_credi': 'Thiago Machado / Arte JC', 'ds_midia_titlo': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '280', 'cd_midia_h': '50', 'align': 'Center'}
Foi também o primeiro jogo de Dámian Musto com a camisa colorada. Aliás, ele foi fundamental para que Coudet pudesse utilizar o 4-1-3-2, esquema preferido do treinador. Musto, centralizado, descia para jogar entre os dois zagueiros, coordenando a saída de bola. Assim, os laterais Uendel e Heitor ficavam livres para subir ao ataque.
Mesmo com o time reserva, já deu para observar o novo esquema tático colorado. Com os laterais livres e a velocidade de Marcos Guilherme e Wellington Silva, que jogaram em um meio de campo centralizado por Nonato, enquanto Galhardo e Sarrafiore foram os atacantes.
O Inter marcou em cima, às vezes com três jogadores pressionando a saída de bola do Juventude, e tentou manter a posse de bola – duas coisas que pouco se viu na equipe colorada em 2019. O time de Porto Alegre acabou a partida com 64% de posse de bola.
Mesmo sendo a primeira de 2020, a partida começou intensa. Os dois times jogavam com muito equilíbrio, marcação forte, dividindo e tentavam propor o jogo. Quem atacou primeiro foi a equipe da Serra. Em cobrança de falta, Eltinho levantou para o volante Marciel, que cabeceou para a defesa segura de Marcelo Lomba.
A melhor chegada do Internacional, por sua vez, resultou em gol. Lançado pela direita, Marcos Guilherme cruzou para Sarrafiore. Após um milagre do goleiro Marcelo Carné, o atacante colorado cabeceou no rebote e a bola bateu no braço de Genílson: pênalti. O zagueiro do Juventude foi expulso. Aos 16 minutos, Thiago Galhardo converteu em cobrança rasteira no canto direito do goleiro.
Após o gol, o Inter tomou o domínio da partida, mantendo a posse de bola no meio campo sem sofrer muitos perigos. A partir daí, o jogo esfriou. A maior chance depois dos 16 minutos foi do Juventude. Bruno Alves saiu na cara de Lomba, mas pegou errado na bola e chutou para fora.
O segundo tempo foi uma continuação da última metade do primeiro. A etapa complementar foi marcada por uma atuação tímida dos dois times. As equipes pareceram ter sentido o início da temporada, e não conseguiram imprimir o mesmo ritmo do primeiro tempo.
À frente no placar, o Internacional manteve o controle da partida. Não atacava com força para não correr perigos atrás. Quando o Juventude retomava a posse, não conseguia fazer a transição suficientemente rápido a ponto de pegar a zaga colorada desprevenida.
A morosidade da partida só foi quebrada nos cinco minutos finais, quando o Inter pressionou o Juventude e obrigou o goleiro Marcelo Carné a operar foi milagres, após finalizações de Marcos Guilherme e Thiago Galhardo.
Após a estreia vitoriosa, o Inter de Coudet joga a primeira do ano no Beira-Rio no domingo, às 19h, contra o Pelotas. Já o Juventude vai à Ijuí, enfrentar o São Luiz no 19 de outubro.
Nas demais partidas da noite, o Aimoré bateu o Brasil de Pelotas por 1 a 0 no Cristo Rei, enquanto São José e Esportivo empataram por 1 a 1 no Passo d’Areia, na Capital.
Juventude 0 x 1 Internacional
Marcelo Carné; Eltinho, Reynaldo, Genílson e Samuel Santos; Marciel, João Paulo,John Lennon e Pedro Ken. Bruno Alves e Wallace. Técnico: Marquinhos Santos.
Marcelo Lomba; Heitor, Roberto, Pedro Henrique e Uendel; Musto; Nonato, Marcos Guilherme e Welington Silva; Sarrafiore e Thiago Galhardo. Técnica: Eduardo Coudet.
Árbitro: Anderson Daronco
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia