Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 16 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Inter

Edição impressa de 16/01/2020. Alterada em 16/01 às 03h00min

Moisés é a nova opção para a lateral-esquerda colorada

Jogador vindo do Bahia assinou com o clube até o final de 2021

Jogador vindo do Bahia assinou com o clube até o final de 2021


/RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Ao que tudo indica, a chegada do lateral-esquerdo Moisés marca o último reforço do Inter para o início da temporada. A direção segue de olho no mercado para algum negócio de ocasião, entretanto, para os primeiros jogos do Campeonato Gaúcho e a fase de pré-Libertadores, o grupo que está à disposição do técnico Eduardo Coudet é esse. A grande cartada da direção para 2020 deve ser o volante Charles Aránguiz, mas o chileno, caso aceite a proposta, chegará apenas para o segundo semestre.
Ao que tudo indica, a chegada do lateral-esquerdo Moisés marca o último reforço do Inter para o início da temporada. A direção segue de olho no mercado para algum negócio de ocasião, entretanto, para os primeiros jogos do Campeonato Gaúcho e a fase de pré-Libertadores, o grupo que está à disposição do técnico Eduardo Coudet é esse. A grande cartada da direção para 2020 deve ser o volante Charles Aránguiz, mas o chileno, caso aceite a proposta, chegará apenas para o segundo semestre.
A negociação de Moisés envolveu a troca com o Bahia, que receberá o também lateral Zeca. A vinda do atleta de 24 anos é mais uma tentativa de solucionar a inconstância na lateral-esquerda, que se tornou comum após a venda de Iago, no meio de 2019, para o alemão Augsburg. Depois disso, o próprio Zeca, Uendel, Natanael e Erik receberam chances na posição, mas não convenceram.
Moisés chega após conquistar o status de titular do Bahia na temporada passada, onde disputou 55 jogos, sendo 30 no Campeonato Brasileiro, sob o comando do técnico Roger Machado. Antes, teve passagens por Comercial-SP, Batatais, Madureira, Corinthians, Bragantino e Botafogo. Curiosamente, ele foi dispensado das categorias de base do Colorado.
"Chego ao clube mais maduro, com mais bagagem. Passei pelo Corinthians, e fui campeão Paulista e Brasileiro. Pelo Botafogo, conquistei o Carioca. Pelo Bahia, conquistei o estadual também. Chego para ajudar, para buscar títulos", planeja. Moisés falou ainda sobre seu estilo de jogo: "Minhas principais características são força e velocidade. Chego também bem ao ataque. Minha melhor resposta ao torcedor colorado será dentro das quatro linhas", concluiu.
Com a aquisição do novo lateral, o Inter chega a cinco reforços confirmados para 2020: o lateral-direito Rodinei, os meio-campistas Damián Musto e Thiago Galhardo e o atacante Marcos Guilherme. Para a estreia diante do Juventude, em Caxias do Sul, pelo Gauchão, a tendência é de que Coudet utilize um time alternativo, dando mais tempo de preparação para o grupo principal.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia