Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 21 de outubro de 2019.
Dia do Contato Publicitário.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

libertadores

21/10/2019 - 11h07min. Alterada em 21/10 às 11h07min

Conmebol analisa mudança do palco da final da Libertadores

Estádio Nacional do Chile, em Santiago, pode não sediar a final em decorrência dos protestos no país

Estádio Nacional do Chile, em Santiago, pode não sediar a final em decorrência dos protestos no país


CONMEBOL/DIVULGAÇÃO/JC
Diante do cenário caótico no Chile, a Conmebol analisa a possibilidade de mudança do local da final da Copa Libertadores deste ano. O Estádio Nacional do Chile, em Santiago, é a sede da decisão do maior torneio continental, marcada para 23 de novembro. Segundo o Diário Olé, jornal argentino, acontecerá uma reunião na entidade nesta segunda-feira (21) para avaliar uma possível troca.
Diante do cenário caótico no Chile, a Conmebol analisa a possibilidade de mudança do local da final da Copa Libertadores deste ano. O Estádio Nacional do Chile, em Santiago, é a sede da decisão do maior torneio continental, marcada para 23 de novembro. Segundo o Diário Olé, jornal argentino, acontecerá uma reunião na entidade nesta segunda-feira (21) para avaliar uma possível troca.
A Conmebol publicou um comunicado em que informa que está monitorando a situação interna no Chile, mas, em post no Twitter, "reafirmou o compromisso de disputar a final única em "data, local e hora acordados inicialmente". 
Manifestações contra o aumento da tarifa de trem estão na origem da onda de protestos contra o governo de Sebastián Piñera em diversas cidades do país. A capital Santiago tem ruas bloqueadas, saques no comércio e a presença ostensiva do Exército, que não ia às ruas desde 1990, durante a ditadura de Augusto Pinochet.
A final da Libertadores em 2019 será a primeira da história do campeonato em partida única. Anteriormente, dois jogos definiam o campeão da América, com o time de melhor campanha decidindo em casa. Na última quinta-feira (17), a Conmebol anunciou o Maracanã como palco da decisão em 2020. Os finalistas serão conhecidos nesta semana, quando Boca x River e Flamengo x Grêmio fazem o jogo de volta das semifinais. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia