Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 20 de outubro de 2019.
Dia do Poeta. Dia do Arquivista.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Libertadores

19/10/2019 - 17h24min. Alterada em 20/10 às 15h33min

O que torcedores esperam do Grêmio contra o Flamengo

Lucas com a filha Emanuella alerta Renato Portaluppi: 'tem de ser muito esperto e safo'

Lucas com a filha Emanuella alerta Renato Portaluppi: 'tem de ser muito esperto e safo'


Patrícia Comunello/Especial/JC
Patrícia Comunello
Quem foi ao jogo do Grêmio contra o Bahia, na quarta-feira (16), não se abalou com a derrota tricolor por 1 a 0 e nem estava com a cabeça dentro do campo da Arena Porto-Alegrense. Os torcedores do Grêmio só pensavam naquilo. No confronto com o Flamengo na próxima quarta-feira (23), no Maracanã, no Rio, que vale a vaga na final da Libertadores, que muitos estão chamando de duelo do ano do futebol brasileiro.
Quem foi ao jogo do Grêmio contra o Bahia, na quarta-feira (16), não se abalou com a derrota tricolor por 1 a 0 e nem estava com a cabeça dentro do campo da Arena Porto-Alegrense. Os torcedores do Grêmio só pensavam naquilo. No confronto com o Flamengo na próxima quarta-feira (23), no Maracanã, no Rio, que vale a vaga na final da Libertadores, que muitos estão chamando de duelo do ano do futebol brasileiro.
O Jornal do Comércio foi à Arena ouvir dos gremistas o que eles esperam do jogo do Maracanã. Nos registros que estão na reportagem em vídeo, é possível identificar tricolores de quatro tipos: ansiosos pelo jogo, realistas confiantes, táticos ao estilo de técnico-torcedor e tranquilos de que tudo vai dar certo.

Confira as apostas de cada um no vídeo:

Na torcida, a confiança domina. O pequeno Davi, de cinco anos, que estava inquieto para entrar na Arena com a avó Fabi Bassegio e a tia Valentina, de quatro anos, espera 2 x 0 no placar. "Vamos ficar ansiosos, nervosos, mas vamos ganhar, né, David", disse Fabi. "Mas vai dar tudo certo."
Já a pressa de Davi tinha um motivo. Minutos depois, o garotinho, que como conta a mãe dele, Andressa, "é fanático" pelo Grêmio e "sabe todos os nomes dos jogadores e histórico os jogos", entraria em campo à frente dos dois times. "Ele deixou o campo agradecendo à torcida como se fosse um jogador profissional", descreveu a mãe, bem orgulhosa e achando graça. (Andressa fez o relato após ser avisada que o vídeo com Davi estava no Instagram do JC).     
Um jovem bem ao estilo dos ansiosos avisou que um "jogo desse não dá para assistir sozinho". Vai que acontece algo, né. "O emocional bate forte, o coração fica a mil. É teste para cardíaca", resumiu o torcedor.
O vendedor de pipoca, há mais de 30 anos em jornadas nos estádios, desde o tempo do Olímpico, José Souza, é gremista, mesmo que atue também no Beira-Rio, templo do Inter, lembra de alguns momentos do jogo na Arena no dia 2, quando o Grêmio empatou quase no fim do jogo.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/206x137/1_gremio2-8877385.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5dab72a033d0c', 'cd_midia':8877385, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/gremio2-8877385.jpg', 'ds_midia': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - vendedor de pipoca e gremista José Souza fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'ds_midia_credi': 'PATRÍCIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC', 'ds_midia_titlo': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - vendedor de pipoca e gremista José Souza fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '600', 'align': 'Left'}

O pipoqueiro Souza acompanha há 30 anos confrontos que testam a emoção. Fotos: Patrícia Comunello

"Quase não tenho tempo para sofrer", garantiu. Nesta quarta, como Souza não vai trabalhar, ele promete ficar ligado na TV, mas não arrisca o desfecho.
No primeiro jogo, torcedores apelaram à alma copeira do tricolor para explicar o gol para se manter vivo.
No time dos realistas confiantes, Marcelo Lucas mandou alertas para o técnico Renato Portaluppi e seu grupo: "Tem de ter muita inteligência no jogo, tem de ser muito esperto e safo", listou como atitudes preventivas. Lucas também emitiu uma suspeita: "Eles estão com a malandragem no Flamengo, dizendo que tem muitos lesionados, mas acho que isso é migué."
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/206x137/1_gremio4-8877373.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5dab71f757e37', 'cd_midia':8877373, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/gremio4-8877373.jpg', 'ds_midia': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor Felipe Petry - fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'ds_midia_credi': 'PATRÍCIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC', 'ds_midia_titlo': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor Felipe Petry - fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '750', 'cd_midia_h': '414', 'align': 'Left'}

Felipe diz que time tem de 'entrar com toda a garra' e está confiante na classificação

Outro realista confiante é Felipe Petry, 14 anos, diz que o time tem de "entrar com toda a garra em campo" e aposta que "vai dar para ganhar". "O que o Renato decidir fazer, vai dar certo", acredita. Felipe estava na Arena no primeiro jogo e comentou: "Foi muita tensão. Todo mundo saiu daqui precisando de uma massagem".
No reduto dos 'táticos ao estilo de técnico-torcedor', João Luiz Palmeiro, apresentou a linha do jogo: "tem de fazer jogada na velocidade. "Quando passam a bola para o Cebolinha (Everton), que é o único veloz do time, ele pega a bola e enlouquece a defesa adversária."
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/206x137/1_gremio3-8877392.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5dab733598f87', 'cd_midia':8877392, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/gremio3-8877392.jpg', 'ds_midia': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor João Luiz Palmeiro com Marsiane Chiarelli fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'ds_midia_credi': 'PATRÍCIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC', 'ds_midia_titlo': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor João Luiz Palmeiro com Marsiane Chiarelli fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '600', 'align': 'Left'}

'Cebolinha é o mais veloz. Ele pega a bola e enlouquece o adversário', diz Palmeiro, ao lado de Marsiane

Palmeiro até admitiu que seu coração não aguenta mais tanta emoção, e disse um "tá bom" para o placar que Marsiane Chiarelli arriscou para o duelo: "2 a 1 para o Grêmio".
Muito nervoso com os erros do grupo de Portaluppi no jogo contra o Bahia, Nivaldo Lopes, que mora em Tramandaí, mostrou sobriedade para a partida de vida ou morte no Maracanã: "Quarta-feira vai ser Grêmio de verdade. Vai ser 2 a 1 para nós, e Grêmio classificado".
Lopes arremata: "Rumo a Santiago", referindo-se ao palco da final da Libertadores em 23 de novembro. O adversário de quem sair do confronto brasileiro sai da partida um dia antes, nesta terça-feira (22), entre River Plate e Boca Juniors.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/206x137/1_gremio1-8877379.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5dab72471e7a1', 'cd_midia':8877379, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/10/19/gremio1-8877379.jpg', 'ds_midia': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor Nivaldo Lopes - fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'ds_midia_credi': 'PATRÍCIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC', 'ds_midia_titlo': 'Jogo Grêmio x Bahia - na Arena Porto-Alegrense - torcedor Nivaldo Lopes - fala de expectativa para Grêmio contra Flamengo pela Libertadores ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '599', 'align': 'Left'}

Lopes aposta na classificação tricolor com placar de 2 a 1 e avisa: 'Rumo a Santiago'

O que é unanimidade entre todos os estilos é que "o Grêmio é copeiro", "é imortal" e "joga para vencer". E como declarou a filha de Lucas, Emanuella, de 12 anos, sem meias palavras: "Eu amo o Grêmio."
No Maracanã, o placar de 0 x 0 dá a vaga ao Flamengo, empate em 1 x 11 leva a decisão aos pênaltis. O Grêmio vencendo por 2 a 1 ou mais (vale empate de 2 x 2) fica com a vaga para a final no Chile.  
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia