Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de julho de 2019.
Dia da Pizza.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

Copa do Brasil

10/07/2019 - 22h44min. Alterada em 10/07 às 23h04min

Grêmio fica no empate com o Bahia e é vaiado

Autor do gol gremista, Everton falou que recebeu sondagens de ligas importantes

Autor do gol gremista, Everton falou que recebeu sondagens de ligas importantes


LUCAS UEBEL /GRÊMIO FBPA/JC
Deivison Ávila
A volta do Grêmio, nesta quarta-feira (10), às competições pós-disputa da Copa América foi com vaias. Após sair na frente do placar com gol de Everton, a equipe piorou na etapa final, sofreu o revés, não teve poder de reação e ficou no empate em 1 a 1 com o Bahia, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Com o embate em aberto, a equipe gaúcha vai a Salvador na próxima quarta-feira para decidir quem avança às semifinais.
A volta do Grêmio, nesta quarta-feira (10), às competições pós-disputa da Copa América foi com vaias. Após sair na frente do placar com gol de Everton, a equipe piorou na etapa final, sofreu o revés, não teve poder de reação e ficou no empate em 1 a 1 com o Bahia, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Com o embate em aberto, a equipe gaúcha vai a Salvador na próxima quarta-feira para decidir quem avança às semifinais.
O técnico Renato Portaluppi praticamente repetiu a mesma formação que vinha atuando antes da parada para a Copa América. As possíveis mudanças como Luan, seguiu como opção no banco e Tardelli, fora da partida por uma gastroenterite, segundo o departamento médico, seguiram apenas como testes de uma intertemporada. Com isso, Jean Pyerre e o contestado André foram mantidos no time.
A primeira grande chegada foi dos donos da casa. Aos 33, Alisson cobrou escanteio pela direita e a bola chegou até Jean Pyerre, que pegou de primeira e mandou na trave. Em seguida, após uma rebatida da zaga, a bola sobrou para Alisson que, de cabeça, colocou na pequena área, onde estava André que também usou a cabeça, mas parou em Douglas Friedrich.
Já nos acréscimos, Everton, o jogador mais cobiçado do Brasil, recebeu lançamento na frente e, no que ia driblando o goleiro do Bahia, acabou sendo derrubado dentro da área. Na cobrança, Cebolinha bateu num canto e Douglas Friedrich pulou no outro. Gol do artilheiro da Copa América, que falou ao fim do jogo, que recebeu sondagens de ligas importantes da Europa.
A etapa final começou com os nordestinos indo em busca da igualdade. Logo no terceiro minuto de bola rolando, Artur cobrou escanteio pela direita, Paulo Victor ficou pelo meio do caminho, e a bola chegou até Gilberto, livre, cabeceou para o fundo das redes.
O tempo começou a passar e a torcida ficar impaciente. Renato fez duas mudanças ao mesmo tempo, sacando Alisson e Jean Pyerre para a entrada de Luan e Pepê. A torcida esperava a saída de André, o que rendeu vaias para o técnico gremista.
Com os donos da casa partindo para cima, abriu espaços para o contra-ataque dos baianos. Aos 33, Artur avançou pela direita, se livrou da marcação, cortou para o meio e bateu para boa defesa de Paulo Victor. Aos 44, o baixinho Artur partiu em mais um contra-ataque, passou voando por Kannemann e bateu na saída de Paulo Victor, mas a bola saiu por cima. No final, o empate acabou frustrando os 28.838 torcedores que foram a Arena.
Grêmio 1 x 1 Bahia
Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Matheus Henrique, Maicon, Alisson (Pepê), Jean Pyerre (Luan) e Everton; André Felipe Vizeu). Técnico: Renato Portaluppi.
Douglas Friedrich; Nino Paraíba (Flávio), Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Elton, Grégore, Ramires (Guerra), Élber e Artur; Gilberto (Fernandão). Técnico: Roger Machado.
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia