Porto Alegre, terça-feira, 28 de julho de 2020.
Dia do Agricultor .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 28 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

copa américa

- Publicada em 12h23min, 03/07/2019. Atualizada em 12h23min, 03/07/2019.

'Sem VARgonha', diz jornal argentino sobre arbitragem na Copa América

Imprensa repercutiu a derrota para o Brasil por 2 a 0 no Mineirão

Imprensa repercutiu a derrota para o Brasil por 2 a 0 no Mineirão


Nelson ALMEIDA/AFP/JC
Folhapress
No dia seguinte à derrota da Argentina para o Brasil por 2 a 0, o jornal argentino esportivo Olé estampou em sua capa críticas à arbitragem e ao VAR (árbitro de vídeo), que disseram ter sido o "fracasso" nesta Copa América.
No dia seguinte à derrota da Argentina para o Brasil por 2 a 0, o jornal argentino esportivo Olé estampou em sua capa críticas à arbitragem e ao VAR (árbitro de vídeo), que disseram ter sido o "fracasso" nesta Copa América.
"Sem VARgonha: outro papelão da arbitragem, fracasso da Copa América: não revisaram dois pênaltis claros para a Argentina", diz a chamada desta quarta (3).
Em seguida, o veículo repercute a declaração de Lionel Messi, que também viu favorecimento ao Brasil. "Se cansaram de marcar idiotices e hoje não consultaram o VAR", disse o camisa dez argentino após o revés na terça (2).
Segundo os argentinos, o árbitro equatoriano Roddy Zambrano deveria ter marcado a penalidade máxima em dois lances: um sobre Agüero e outro sobre Otamendi, ambos no segundo tempo.
O Brasil, que venceu a Argentina, disputará a final do torneio continental no próximo domingo (7) no Maracanã, às 17h. Enfrentará o vencedor do confronto entre Chile e Peru, que se encontram às 21h30min desta quarta.
Comentários CORRIGIR TEXTO