Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 10 de maio de 2019.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

futebol

10/05/2019 - 12h09min. Alterada em 10/05 às 12h09min

Neymar pega três jogos de suspensão por agredir torcedor, mas joga no sábado

Jogador também foi suspenso pela Uefa por ter insultado a arbitragem

Jogador também foi suspenso pela Uefa por ter insultado a arbitragem


FRANCK FIFE / AFP/JC
Folhapress
A Comissão Disciplinar da Federação Francesa anunciou nesta sexta (10) a suspensão por três jogos de Neymar por causa da agressão a um torcedor ocorrida após a final da Copa da França entre PSG e Rennes, no dia 27 de abril.
A punição, no entanto, só entrará em vigor a partir do dia 13 de maio. Assim, Neymar está liberado para enfrentar o Angers, neste sábado (11), a partir das 12h (de Brasília), pelo Campeonato Francês.
Na sequência, Neymar desfalcará o PSG nos duelos contra Dijon e Reims, os dois últimos da temporada. O terceiro jogo de suspensão será cumprido na Supercopa da França, que reunirá o campeão francês, PSG, e o campeão da Copa da França, Rennes, no dia 3 de agosto, na China.
A comissão ainda definiu que, em caso de reincidência, Neymar cumprirá mais duas partidas de suspensão de forma automática, além do gancho que poderá pegar em novo julgamento. Em nota, o PSG disse ter considerado a pena muito severa e informou que vai recorrer da decisão.
O incidente aconteceu quando Neymar se incomodou com as provocações do torcedor aos jogadores que subiam a escada para a premiação da Copa da França. Após uma breve discussão, o brasileiro o agrediu. No Instagram, o próprio Neymar reconheceu o erro, mas disse não ter "sangue de barata". O jogo terminou empatado por 2 a 2, com vitória nos pênaltis do Rennes.
Vale lembrar que Neymar também foi suspenso pela Uefa por ter insultado a arbitragem que comandou o jogo de volta contra o Manchester United, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. O jogador entrou com recurso, mas, caso não consiga reverter a punição, será desfalque do PSG nos três primeiros jogos da próxima Champions.
Na próxima semana, Neymar viverá a expectativa pela convocação da seleção brasileira para a Copa América, que será realizada no dia 17 de maio.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia