Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de julho de 2018.
Dia do Comerciante .

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

copa 2018

Notícia da edição impressa de 16/07/2018. Alterada em 16/07 às 01h00min

Apesar do vice, Luka Modric é eleito o melhor jogador da Copa; Kylian Mbappé é a revelação

Meia croata e  atacante francês se destacaram de formas diferentes em suas seleções

Meia croata e atacante francês se destacaram de formas diferentes em suas seleções


/GABRIEL BOUYS / AFP/JC
Minutos depois da vitória francesa, a Fifa anunciou os prêmios do torneio. Apesar da decepção pelo resultado, o meia Luka Modric, do Real Madrid, foi eleito o melhor jogador da competição e ficou com a Bola de Ouro. O croata liderou a seleção à melhor campanha de sua história. O jogador de 32 anos marcou duas vezes ao longo do torneio, contra Nigéria e Argentina ainda na primeira fase, e deu uma assistência. Mais do que isso, comandou o meio-campo de um time que surpreendeu o mundo ao ir à sua primeira final de Mundial.
Cotado a um dos candidatos a craque da Copa, o atacante francês Kylian Mbappé não ficou entre os três, mas não saiu do torneio de mãos abanando. O atacante de 19 anos do PSG foi eleito a revelação do Mundial. O camisa 10 marcou quatro gols e se tornou o francês mais jovem a balançar a rede em um Mundial, superando David Trezeguet. Ele também foi apenas o segundo atleta com menos de 20 anos a balançar a rede em uma final de Copa, igualando o que Pelé havia feito em 1958, com 17 anos.
Outro premiado foi o belga Thibaut Courtois, eleito o melhor goleiro da competição, ficando com a Luva de Ouro. Harry Kane terminou como artilheiro, com seis gols, pela Inglaterra, e ficou com a Chuteira de Ouro. Griezmann e Romelu Lukaku, ambos com quatro, receberam a Chuteira de Prata e a de Bronze, respectivamente.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia