Porto Alegre, segunda-feira, 05 de abril de 2021.
Dia dos Fabricantes de Materiais de Construção.
Porto Alegre,
segunda-feira, 05 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Ensino Superior

- Publicada em 17h44min, 05/04/2021.

TRF-4 abre inscrições para estágio em Direito

Prova será realizada no dia 20 de abril, às 14h30min, em plataforma on-line do TRF-4

Prova será realizada no dia 20 de abril, às 14h30min, em plataforma on-line do TRF-4


JOYCE ROCHA/JC
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) abriu nesta segunda-feira (5) as inscrições para estágio em Direito em análise processual. Os estudantes interessados deverão se inscrever até as 18h do dia 12 de abril.
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) abriu nesta segunda-feira (5) as inscrições para estágio em Direito em análise processual. Os estudantes interessados deverão se inscrever até as 18h do dia 12 de abril.
Entre 5 e 14 de abril, depois de fazer a inscrição, o candidato deve enviar a documentação comprobatória para o e-mail [email protected] As inscrições homologadas serão divulgadas até 16 de abril.
O estágio tem carga horária de 4h, no turno da tarde, com remuneração de R$ 833,00, acrescidos de R$ 9,40 de auxílio-transporte por dia presencial trabalhado.

Prova será em 20 de abril

A prova será realizada no dia 20 de abril, às 14h30min, em plataforma on-line do TRF-4 com acompanhamento síncrono em vídeo. Todas as informações pertinentes à prova serão disponibilizadas aos inscritos dois dias antes através do e-mail cadastrado.
Para realizar a avaliação, que consistirá em uma redação, o estudante deverá ter um computador com câmera e microfone em funcionamento, além de acesso à internet. O resultado será divulgado a partir de 6 de maio e a data de ingresso prevista é 17 de maio.
Para participar do processo seletivo, é necessário ter cursado, no mínimo, 35% do curso de Direito e, no máximo, 65%, em uma das instituições de ensino conveniadas ao Tribunal.
Comentários CORRIGIR TEXTO