Porto Alegre, segunda-feira, 27 de setembro de 2021.
Dia Mundial do Turismo.
Porto Alegre,
segunda-feira, 27 de setembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 27/09/2021 às 11h52min.

Porto Alegre deve aplicar terceira dose em profissionais da saúde nesta semana

Estado aguarda nota do Ministério da Saúde com orientações sobre a D3 nos trabalhadores

Estado aguarda nota do Ministério da Saúde com orientações sobre a D3 nos trabalhadores


MARIA ANA KRACK/PMPA/DIVULGAÇÃO/JC
Juliano Tatsch
O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou na sexta-feira (24) que profissionais da saúde também irão receber a terceira dose – chamada de dose de reforço – da vacina contra o novo coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre (SMS) já planeja iniciar a vacinação deste grupo ainda nesta semana em unidades básicas de saúde e hospitais. Também está sendo programada uma ação especial junto aos órgãos de classe.
O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou na sexta-feira (24) que profissionais da saúde também irão receber a terceira dose – chamada de dose de reforço – da vacina contra o novo coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre (SMS) já planeja iniciar a vacinação deste grupo ainda nesta semana em unidades básicas de saúde e hospitais. Também está sendo programada uma ação especial junto aos órgãos de classe.
“Os profissionais de saúde foram um dos primeiros grupos a serem contemplados na campanha de imunização na Capital. A ideia é seguir o mesmo cronograma, priorizando a dose de reforço para aqueles que foram imunizados primeiro”, afirma o secretário municipal da Saúde, Mauro Sparta. Poderão receber a dose de reforço profissionais de saúde que receberam a segunda dose há mais de seis meses.
No Rio Grande do Sul, apesar de a Secretaria Estadual da Saúde (SES-RS) ainda não ter comunicado o cronograma que irá adotar para a aplicação do imunizante nesse grupo populacional, pelo menos 1.803 profissionais que atuam em hospitais, clínicas, postos de saúde, casas de repouso, pronto-atendimentos, entre outros, já foram imunizados com a D3.
A SES-RS explica que, ainda que a vacinação de reforço dos trabalhadores da saúde não tenha oficialmente começado, as explicação para profissionais já terem sido imunizados com o reforço depende da forma como a dose foi registrada. "A maior possibilidade é que são trabalhadores da saúde com mais de 70 anos ou que se enquadram em alguma daquelas classificações de imunodeprimidos que precisam da dose adicional", aponta a pasta.
Conforme a secretaria gaúcha, o Estado aguarda nota técnica do Ministério da Saúde com orientações sobre a vacinação de doses de reforço para profissionais de saúde. Após isso ocorrer, será necessária uma reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) para pactuar com os municípios o início da vacinação desse grupo de acordo com essas orientações. A CIB é um órgão vinculado à SES-RS que reúne representantes da gestão estadual da saúde e do órgão que representa os secretários municipais de Saúde, o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems).
Além da divulgação da nota técnica e da reunião da CIB, também é necessário que cheguem ao Estado novas remessas de vacinas com destinação específica para a vacinação da dose de reforço para esse grupo.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário