Porto Alegre, quinta-feira, 18 de março de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 18 de março de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 13h19min, 18/03/2021.

Porto Alegre tem aumento na ocupação de UTIs nesta quinta-feira

Ocupação das UTIs na cidade está em 114,83% - são 1.169 pacientes para 1.023 leitos

Ocupação das UTIs na cidade está em 114,83% - são 1.169 pacientes para 1.023 leitos


Miguel Schincariol /AFP/JC
Juliano Tatsch
Depois de três dias seguidos com redução no número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs), os hospitais de Porto Alegre registram um aumento na ocupação dos leitos intensivos na manhã desta quinta-feira (18). No total, são 830 pessoas hospitalizadas na Capital em estado grave em razão do novo coronavírus.
Depois de três dias seguidos com redução no número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs), os hospitais de Porto Alegre registram um aumento na ocupação dos leitos intensivos na manhã desta quinta-feira (18). No total, são 830 pessoas hospitalizadas na Capital em estado grave em razão do novo coronavírus.
A subida na curva ocorre depois de a cidade fechar o domingo (14) com 831 pessoas em UTIs. Na sequência, vieram três dias de queda no número de internados: 823 na segunda-feira (15), 820 na terça-feira (16) e 815 na quarta-feira (17).
A ocupação das UTIs na cidade está em 114,83% - são 1.169 pacientes para 1.023 leitos. Além disso, outras 295 pessoas com a doença estão em Emergências hospitalares aguardando um leito intensivo para serem internados.
Dos 18 hospitais de Porto Alegre, 12 estão com 100% ou mais de ocupação de use unidades intensivas. A instituição com maior superlotação é Hospital Moinhos de Vento, com 106 pacientes para 66 leitos - ocupação de 160,61%.
O Hospital de Clínicas, que possui a maior quantidade de vagas para pacientes graves na Capital (167), atende 210 pessoas, registrando uma lotação de 125,75%. Já o Hospital Conceição, ainda não atingiu a lotação completa, tendo 85 pacientes para 87 leitos.

Hospitais com ocupação de 100% ou superior na Capital

  • Hospital de Clínicas de Porto Alegre – 125,75%
  • Hospital Moinhos de Vento – 160,61%
  • Santa Casa – 113,50%
  • Hospital São Lucas da Pucrs – 133,90%
  • Hospital Mãe de Deus – 108,57%
  • Hospital Ernesto Dornelles – 145,00%
  • Hospital Divina Providência – 113,24%
  • Hospital Cristo Redentor – 100%
  • Hospital Vila Nova – 101,79%
  • Hospital Fêmina – 116,67%
  • Hospital da Restinga – 100%
  • Hospital Santa Ana – 110%
O Estado também apresenta aumento no total de pacientes internados em UTIs com diagnóstico confirmado para a Covid-19. Os hospitais gaúchos fecharam a quarta-feira com 2.536 pessoas hospitalizadas em estado grave por causa da doença. No final da manhã desta quinta-feira, são 2.580 - 44 pacientes a mais do que ontem.
O acréscimo também se dá nos leitos clínicos, destinados a pacientes que necessitam de atenção médica, mas não estão em condição crítica. Na quarta-feira, eram 5.274 pacientes em leitos clínicos por causa do novo coronavírus no Rio Grande do Sul. Nesta quinta-feira, são 5.301.
Comentários CORRIGIR TEXTO