Porto Alegre, sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021.
Dia do Esportista.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

SAÚDE

- Publicada em 16h17min, 19/02/2021. Atualizada em 16h28min, 19/02/2021.

Porto Alegre apela aos setores para urgência de controle à Covid-19

Diante da necessidade de intensificar medidas de controle, prefeitura aguarda divulgação das bandeiras 

Diante da necessidade de intensificar medidas de controle, prefeitura aguarda divulgação das bandeiras 


LUIZA PRADO/JC
Fernanda Crancio
Um forte apelo da prefeitura de Porto Alegre para que os empresários e representantes de entidades que integram o Conselho Multissetorial para o Enfrentamento da Covid-19 reforcem com seus colaboradores a necessidade de intensificar as medidas de prevenção e controle da disseminação do coronavírus e, principalmente, evitar aglomerações desnecessárias, marcou a reunião virtual do grupo, realizada na tarde desta sexta-feira (19).
Um forte apelo da prefeitura de Porto Alegre para que os empresários e representantes de entidades que integram o Conselho Multissetorial para o Enfrentamento da Covid-19 reforcem com seus colaboradores a necessidade de intensificar as medidas de prevenção e controle da disseminação do coronavírus e, principalmente, evitar aglomerações desnecessárias, marcou a reunião virtual do grupo, realizada na tarde desta sexta-feira (19).
O encontro analisou o atual cenário da pandemia na Capital - marcado por aumento de casos e internações, restrições de atendimento em hospitais e superlotação de UTIs-, que preocupa a gestão municipal, contrária à possibilidade de novas restrições às atividades econômicas. Atenta aos indicadores locais, a prefeitura aguarda a divulgação do mapa do distanciamento controlado e de prováveis medidas de enfrentamento por parte do governo do Estado, ainda esta tarde, para tomar novas decisões voltadas ao controle epidemiológico na cidade.
Comandada pelo vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Econômico da Capital, Ricardo Gomes, a reunião deixou claro que o município está atento ao risco que a atual ocupação do sistema de saúde e a circulação de uma variante do coronavírus mais infecciosa podem causar, e se preparando para a possibilidade de ter de adotar medidas emergenciais na área da saúde, como ampliação da capacidade de leitos, para enfrentar dias mais difíceis no cenário pandêmico, como já havia ressaltado pela manhã o diretor de Atenção Hospitalar e Urgências da SMS, João Marcelo Lopes.
Os gestores municipais também destacaram que o início da imunização na cidade trouxe uma falsa sensação de segurança à população, o que pode ter contribuído para o relaxamento nos cuidados e medidas de prevenção. Nesse sentido, reforçaram as ações de fiscalização, conscientização e combate a aglomerações na Capital, bem como os pedidos para que as entidades ressaltem aos trabalhadores dos mais diferentes setores a urgência de manter o cumprimento de todos os protocolos de prevenção à Covid-19.
Segundo um dos participantes do encontro, a fala do vice-prefeito Ricardo Gomes teria reforçado esse apelo e enfatizado que não há nenhuma medida administrativa que possa substituir o bom senso individual.
Também foi ressaltada a manutenção do alinhamento das ações municipais às medidas apresentadas pelo governo do Estado e apresentada a campanha municipal de imunização contra a Covid-19, que já vacinou mais de 97 mil pessoas dos grupos prioritários com a primeira dose e cerca de 18 mil pessoas coma segunda dose, de acordo com o painel de monitoramento da prefeitura.
O encontro, que contou com a participação de profissionais da saúde e de associações como CDL, ACPA, Sindilojas, Secovi, Fiergs, empresários de bares, hotéis, restaurantes e do setor de eventos, vem sendo realizado pela prefeitura desde janeiro, semanalmente. O Conselho, criado em caráter consultivo, tem o objetivo de ouvir as mais diferentes instâncias e servir de apoio às decisões tomadas pelo Comitê para o Enfrentamento da Covid-19.
Comentários CORRIGIR TEXTO