Porto Alegre, segunda-feira, 01 de fevereiro de 2021.
Dia do Publicitário.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 01 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 15h23min, 31/01/2021. Atualizada em 11h14min, 01/02/2021.

RS registra 577 novos casos de Covid-19 e seis óbitos neste domingo

Nas primeiras quatro semanas de 2021, o Estado acumula 1.399 mortes pelo novo coronavírus e, ao todo, 10.669 gaúchos perderam a batalha contra a doença.

Nas primeiras quatro semanas de 2021, o Estado acumula 1.399 mortes pelo novo coronavírus e, ao todo, 10.669 gaúchos perderam a batalha contra a doença.


SILVIO AVILA/AFP/JC
O Rio Grande do Sul registrou, neste domingo (31), 577 novos casos confirmado de Covid-19 e seis novos óbitos por complicações decorrentes da doença. Só nas primeiras quatro semanas de 2021, o Estado acumula 1.399 mortes pelo novo coronavírus. Ao todo, 10.669 gaúchos perderam a batalha contra a doença, segundo levantamento do governo do Estado.  
O Rio Grande do Sul registrou, neste domingo (31), 577 novos casos confirmado de Covid-19 e seis novos óbitos por complicações decorrentes da doença. Só nas primeiras quatro semanas de 2021, o Estado acumula 1.399 mortes pelo novo coronavírus. Ao todo, 10.669 gaúchos perderam a batalha contra a doença, segundo levantamento do governo do Estado.  
O total de casos confirmados chegou a 547.282. Os recuperados chegam a 523.871 (96% dos casos).
Os novos óbitos associados ao novo coronavirus são de residentes dos municípios de Caxias do Sul (homem, 88), Esteio (mulher, 71) Porto Alegre (homem, 78, e mulher, 74), Rio Grande (mulher, 87) e  Sobradinho (homem, 93). 
De acordo com a Secretaria da Saúde, entre os óbitos hoje divulgados, um ocorreu dia 29 de dezembro, os demais entre os dias 10 e 29 de janeiro. 
Com a queda no número diário de novos casos de Covid-19 nas últimas duas semanas no Rio Grande do Sul, o efeito é sentido na proporção de recuperados da infecção. A taxa que vinha se mantendo em 95% subiu a 96% desde esta sexta-feira (29).
Comentários CORRIGIR TEXTO