Porto Alegre, terça-feira, 19 de janeiro de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 19 de janeiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

saúde

- Publicada em 10h20min, 19/01/2021.

Após atrasos na entrega de vacinas, mais Estados iniciam campanha de imunização

Bahia, Pará, Alagoas, Sergipe e Paraíba começaram suas campanhas de vacinação nesta manhã

Bahia, Pará, Alagoas, Sergipe e Paraíba começaram suas campanhas de vacinação nesta manhã


Camila Surian/Arte/JC
Após falhas de logística do Ministério da Saúde que atrasaram a distribuição da vacina contra a Covid-19, os Estados da Bahia, Pará, Alagoas, Sergipe e Paraíba começaram suas campanhas de vacinação na manhã desta terça-feira (19). Outros cinco Estados e o Distrito Federal devem iniciar a imunização ainda nesta terça.
Após falhas de logística do Ministério da Saúde que atrasaram a distribuição da vacina contra a Covid-19, os Estados da Bahia, Pará, Alagoas, Sergipe e Paraíba começaram suas campanhas de vacinação na manhã desta terça-feira (19). Outros cinco Estados e o Distrito Federal devem iniciar a imunização ainda nesta terça.
Na Bahia, a primeira pessoa a receber a Coronavac foi a enfermeira Maria Angélica de Carvalho Sobrinho, de 53 anos, que trabalha na linha de frente no combate à Covid-19 no Hospital Couto Maia, em Salvador.
A técnica de enfermagem Shirley Cuimar Cruz Maia, de 39 anos, foi a primeira imunizada no Pará. Ela trabalha no Hospital de Campanha montado em Belém para atendimento aos pacientes da Covid-19.
Na Paraíba, a escolhida foi a enfermeira Marineide Rodrigues Gouveia Ferreira, de 60 anos, que trabalha na linha de frente desde o início da pandemia. Por ser hipertensa, Marineide precisou assinar um termo de responsabilidade para atuar na área de Covid do Hospital Clementino Fraga, na capital João Pessoa.
Em Sergipe, a enfermeira Sônia Aparecida Damásio, de 48 anos, foi a primeira imunizada. Ela é funcionária do Hospital de Urgência Governador João Alves Filho, principal unidade hospitalar do Estado. No Estado de Alagoas, a campanha de vacinação teve início com Marta Antônia de Lima, de 50 anos, assistente social do Hospital da Mulher de Maceió.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO