Porto Alegre, quarta-feira, 25 de novembro de 2020.
Dia do Doador de Sangue.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 25 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 12h14min, 25/11/2020. Atualizada em 17h28min, 25/11/2020.

RS tem o maior número de internados em UTI por Covid-19 desde o início da pandemia

Rio Grande do Sul tinha 1.101 pessoas internadas em leitos clínicos e outras 749 em UTIs pela doença

Rio Grande do Sul tinha 1.101 pessoas internadas em leitos clínicos e outras 749 em UTIs pela doença


ANDREAS SOLARO/AFP/JC
Juliano Tatsch
No mesmo dia em que o governo do Estado liberou a realização de aulas presenciais em regiões que estão há duas semanas ou mais com bandeira vermelha, mudando o próprio protocolo estabelecido anteriormente, o Rio Grande do Sul atingiu o maior número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) e em leitos clínicos por Covid-19 desde o início da pandemia.
No mesmo dia em que o governo do Estado liberou a realização de aulas presenciais em regiões que estão há duas semanas ou mais com bandeira vermelha, mudando o próprio protocolo estabelecido anteriormente, o Rio Grande do Sul atingiu o maior número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) e em leitos clínicos por Covid-19 desde o início da pandemia.
O Rio Grande do Sul chegou nesta terça-feira (24) ao dia 262 da pandemia no Estado. Neste período, pelo menos 301.766 pessoas gaúchos contraíram a Covid-19 e 6.573 deles perderam a vida para a doença.
Ainda na terça-feira, o governo de Eduardo Leite fez a segunda mudança seguida nos protocolos do distanciamento controlado para permitir a realização de aulas presenciais em regiões que estão sob bandeira vermelha. Inicialmente, nestas regiões, somente era permitido o ensino remoto.
Há uma semana, o gabinete de crise do governo mudou a regra, permitindo que as aulas presenciais pudessem ser realizadas mesmo em bandeira vermelha, desde que a região não estivesse classificada na cor durante duas semanas consecutivas.
Nessa terça-feira (24), nova mudança: o ensino presencial pode ser mantido independentemente de quantas semanas as regiões estiverem com a classificação. “Saúde é muito mais do que não contrair o vírus. É também desenvolver a capacidade cognitiva dos alunos”, disse o governador.
As decisões seguidas do Piratini relaxando as mediadas de distanciamento social vão de encontro aos números da pandemia no Rio Grande do Sul. A curva de internações hospitalares em razão da Covid-19 vem crescendo fortemente no Estado nas últimas semanas e atingiu nesta terça-feira um recorde: com 1.101 pessoas internadas em leitos clínicos e outras 749 hospitalizadas em UTIs, o Estado chegou ao maior número de pacientes em hospitais desde o início da pandemia.
Anteriormente, a maior quantidade de pessoas em UTIs havia sido registrada no dia 26 de agosto, quando 735 pacientes estavam em leitos intensivos por causa do novo coronavírus. No caso de internações em leitos clínicos, o recorde anterior era do dia 28 de julho, com 1.027 pessoas hospitalizadas. Esse número foi superado no dia 20 de novembro (1.038) e novamente batido nesta terça-feira.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/11/25/206x137/1_covid_rs-9197559.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5fbe6cef35cce', 'cd_midia':9197559, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/11/25/covid_rs-9197559.jpg', 'ds_midia': 'Variação das internações por Covid-19 no RS', 'ds_midia_credi': 'Comite de Dados/Divulgação/JC', 'ds_midia_titlo': 'Variação das internações por Covid-19 no RS', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '404', 'align': 'Left'}
As últimas decisões e indicativos do governo Leite têm sido contraditórios em relação à pandemia, com o relaxamento de medidas de distanciamento social ocorrendo concomitantemente ao aumento da preocupação com o fortalecimento da pandemia. Junto com a liberação das aulas em regiões com bandeira vermelha, o governador informou que que não pretende determinar novos fechamentos de setores econômicos, mas pode restringir horários de funcionamento.
No sentido de tentar conter o retorno da lotação nos hospitais, nesta quarta-feira (25), a Secretaria Estadual da Saúde (SES-RS) anunciou que emprestará ao Hospital São Vicente de Paulo, em Osório, equipamentos para a abertura de mais dez leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) adulto. A oferta do serviço ocorrerá por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). O Litoral Norte é uma das regiões com pior cenário da pandemia do Estado. A região tem 96,2% de ocupação dos leitos de UTI (50 pacientes para 52 vagas).
O Jornal do Comércio procurou a Secretaria Estadual da Saúde para falar sobre o cenário, mas a SES-RS afirmou que o Comitê de Dados do Estado deveria ser consultado sobre a questão. A reportagem ainda aguarda retorno do contato realizado com a assessoria do Comitê.
VÍDEO: Infectologista fala dos 5 mandamentos de cuidados para enfrentar a pandemia 
Comentários CORRIGIR TEXTO