Porto Alegre, quarta-feira, 28 de outubro de 2020.
Dia do Funcionário Público. Dia de São Judas Tadeu.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 28 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 11h42min, 28/10/2020. Atualizada em 15h26min, 28/10/2020.

Hospital Moinhos de Vento reavalia nesta quarta-feira reabertura da UTI

Ocupação dos leitos intensivos na Capital está em 88,5% nesta quarta-feira

Ocupação dos leitos intensivos na Capital está em 88,5% nesta quarta-feira


Ina Fassbender/AFP/JC
Juliano Tatsch
Desde segunda-feira (26), o Hospital Moinhos de Vento não está recebendo novos pacientes com diagnóstico de Covid-19. A medida, adotada por 48h, se deu em razão da lotação das áreas destinadas às pessoas infectadas com o novo coronavírus na unidade de internação, na Emergência e na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). O Comitê de Enfrentamento do Coronavírus do hospital irá se reunir nesta quarta-feira (28) para analisar o cenário e reavaliar se a restrição de atendimento continuará ou não.
Desde segunda-feira (26), o Hospital Moinhos de Vento não está recebendo novos pacientes com diagnóstico de Covid-19. A medida, adotada por 48h, se deu em razão da lotação das áreas destinadas às pessoas infectadas com o novo coronavírus na unidade de internação, na Emergência e na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). O Comitê de Enfrentamento do Coronavírus do hospital irá se reunir nesta quarta-feira (28) para analisar o cenário e reavaliar se a restrição de atendimento continuará ou não.
O Moinhos tinha na noite de terça-feira (27), 92 pacientes hospitalizados com a doença. Destes, 32 estava em leitos para pacientes graves, 59 estavam em leitos clínicos para adultos e um estava na internação pediátrica. O hospital tem lotação completa de sua unidade intensiva.
A retomada praticamente irrestrita das atividades econômicas no Rio Grande do Sul, e, particularmente, em Porto Alegre, voltou a pressionar os hospitais da cidade, ainda que não da mesma maneira quando do pico da pandemia, entre fim de julho setembro. A ocupação dos leitos intensivos na Capital está em 88,5% nesta quarta-feira.
O Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), por exemplo, tem, na manhã desta quarta-feira, 92 pessoas internadas com a Covid-19. Destas, 50 estão na UTI, enquanto outras 33 estão em leitos clínicos e cinco permanecem na Emergência (ainda há uma paciente na internação obstétrica e três, na internação psiquiátrica). O percentual de ocupação da UTI do Clínicas é de 90%.
No Hospital Conceição, que também é referência para casos de coronavírus na Capital, a ocupação da unidade intensiva é de 96% - 72 pacientes para 75 vagas.
Outro indicador importante, principalmente para se projetar a situação nos próximos dias nas UTIs, é o de pacientes internados nas enfermarias. Na terça-feira, conforme a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), eram 286 pessoas hospitalizadas com a doença nesse setor dos hospitais da cidade. Na segunda-feira (26), eram 332 e, no sábado (24) chegou a 372. Esse indicador varia muito, na medida em que engloba pacientes menos graves, que podem ser internados e liberados no mesmo dia.
Comentários CORRIGIR TEXTO