Porto Alegre, quarta-feira, 29 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 29 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

saúde

- Publicada em 17h48min, 29/07/2020. Atualizada em 20h43min, 29/07/2020.

Com mais 70 mortes, Rio Grande do Sul chega a 1.751 vítimas de Covid-19

Balanço diário da SES também registrou 2,2 mil novos casos da doença no RS

Balanço diário da SES também registrou 2,2 mil novos casos da doença no RS


MARCO QUINTANA/ARQUIVO/JC
O Rio Grande do Sul voltou a bater recorde de mortes por coronavírus nesta quarta-feira (29). Foram 70 novos óbitos registrados pela Secretaria Estadual da Saúde (SES), totalizando 1.751 vítimas do vírus no Estado. Nessa terça, o balanço diário da pasta já havia sido recorde, com 69 mortes. Os óbitos registrados hoje, ocorridos entre 6 e 29 de julho, são de pacientes com idades entre 21 e 95 anos.
O Rio Grande do Sul voltou a bater recorde de mortes por coronavírus nesta quarta-feira (29). Foram 70 novos óbitos registrados pela Secretaria Estadual da Saúde (SES), totalizando 1.751 vítimas do vírus no Estado. Nessa terça, o balanço diário da pasta já havia sido recorde, com 69 mortes. Os óbitos registrados hoje, ocorridos entre 6 e 29 de julho, são de pacientes com idades entre 21 e 95 anos.
Foram 14 óbitos somente em Porto Alegre, cidade gaúcha que concentra o maior número de mortes por Covid-19. A Secretaria Municipal de Saúde contabilizava 325 vítimas na Capital até o fim da tarde desta quarta-feira.
O Estado também registrou 2.200 novos casos da doença em 24 horas. Agora, o total de casos confirmados se aproxima de 65 mil, somando 64.496.
O número de pacientes recuperados no Rio Grande do Sul é de 54.960, o que representa 85% dos casos.
O coronavírus está presente em 94% dos municípios gaúchos. São 465 dos 497 municípios com registro da doença.
Comentários CORRIGIR TEXTO