Porto Alegre, segunda-feira, 22 de junho de 2020.
Dia do Aeroviário.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 22 de junho de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Saúde

Notícia da edição impressa de 22/06/2020. Alterada em 21/06 às 20h14min

Porto Alegre bate novo recorde e chega a 93 pessoas em UTIs por Covid-19

Rápido crescimento na ocupação de leitos preocupa autoridades

Rápido crescimento na ocupação de leitos preocupa autoridades


SILVIO AVILA/AFP/JC
A rápida aceleração da propagação da pandemia do novo coronavírus em Porto Alegre levou o prefeito Nelson Marchezan Júnior a anunciar mais restrições às atividades econômicas na Capital. Profissionais de saúde têm alertado durante toda a última semana sobre o risco real de colapso do sistema de saúde da cidade de o ritmo de avanço da doença se mantiver o mesmo. Neste final de semana, o número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) com diagnóstico confirmado de Covid-19 bateu novo recorde no município, chegando a 93 pessoas.
A rápida aceleração da propagação da pandemia do novo coronavírus em Porto Alegre levou o prefeito Nelson Marchezan Júnior a anunciar mais restrições às atividades econômicas na Capital. Profissionais de saúde têm alertado durante toda a última semana sobre o risco real de colapso do sistema de saúde da cidade de o ritmo de avanço da doença se mantiver o mesmo. Neste final de semana, o número de pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) com diagnóstico confirmado de Covid-19 bateu novo recorde no município, chegando a 93 pessoas.
Além dos 93 hospitalizados com contaminação confirmada, outras 27 pessoas estavam neste domingo em UTIs com suspeita da doença. A ocupação dos leitos intensivos na Capital era de 80,06% - 502 pessoas em 627 leitos.
Três hospitais tinham 100% de sua capacidade ocupada - Divina Providência, Restinga e Cristo Redentor. Outros dois estavam com lotação na casa de 90% (Hospital Vila Nova e Hospital Conceição).
O número de pessoas em leitos de UTI em razão da pandemia em Porto Alegre saltou de 46 no dia 7 de junho para 93 neste domingo - um crescimento de 102,1% em 14 dias, o que ligou o alerta das autoridades de saúde a respeito da deterioração do cenário da pandemia na cidade.
Conforme a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), a cidade já teve 43 surtos da doença. A prefeitura considera surto a ocorrência, em período inferior a 14 dias, de dois ou mais profissionais de um estabelecimento diagnosticados por exame de PCR. Destes, 27 seguem em investigação. 
Comentários