Porto Alegre, quarta-feira, 10 de junho de 2020.
Dia da Língua Portuguesa.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 10 de junho de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Saúde

10/06/2020 - 19h36min. Alterada em 10/06 às 19h49min

UTIs de Porto Alegre chegam a 67 doentes com Covid-19 reforçando alerta

A prefeitura adiou para a semana que vem qualquer revisão de medidas ou ampliação da liberação de setores

A prefeitura adiou para a semana que vem qualquer revisão de medidas ou ampliação da liberação de setores


Camila Surian/Arte/JC
As UTIs de Porto Alegre, tanto públicas ou credenciadas ao SUS como as privadas, voltaram a registrar alta nas internações nesta quarta-feira (10), o que pode reforçar a tendência de crescimento verificado desde o fim de semana. A prefeitura adiou para a semana que vem qualquer revisão de medidas ou ampliação da liberação de setores. 
As UTIs de Porto Alegre, tanto públicas ou credenciadas ao SUS como as privadas, voltaram a registrar alta nas internações nesta quarta-feira (10), o que pode reforçar a tendência de crescimento verificado desde o fim de semana. A prefeitura adiou para a semana que vem qualquer revisão de medidas ou ampliação da liberação de setores. 
Segundo o painel da Secretaria Municipal da Saúde, 67 pacientes com o novo coronavírus estavam nas unidades. São sete a mais que essa terça-feira (9) e 23 a mais que sexta-feira (5), alta de 52%.
O setor tem ainda 28 casos suspeitos em leitos de terapia intensiva. O Hospital de Clínicas soma 26 casos confirmados e mais cinco suspeitos, é o maior número em um estabelecimento. Logo depois vem o Hospital Conceição, com 18 casos de Covid-19 e sete suspeitos. O Moinhos de Vento, com nove internados em UTI com a doença, é o terceiro em número.
A cidade tem 607 leitos, com 483 casos internados, com ocupação de quase 80%. 
O crescimento de casos nas UTIs acendeu alerta para a prefeitura na segunda-feira (8), quando houve alta de 40% nos casos, em relação a sexta-feira (5). A situação fez o prefeito Nelson Marchezan Júnior adiar novas liberações de segmentos. Nesta quarta, o comitê de enfrentamento da pandemia local definiu que novas mudanças, seja em restrições - caso mantenha a velocidade de aumento de casos em UTIs - ou liberações.  
Comentários