Porto Alegre, segunda-feira, 30 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre, segunda-feira, 30 de março de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Relações exteriores

Alterada em 30/03 às 17h40min

Presidente da Argentina critica Bolsonaro e diz que Brasil pode repetir caminho da Itália

Fernández se preocupa com o fato de que países como o Brasil "não entendam a gravidade do problema"

Fernández se preocupa com o fato de que países como o Brasil "não entendam a gravidade do problema"


PEDRO PARDO/AFP/JC
Folhapress
O presidente argentino, Alberto Fernández, fez críticas a Jair Bolsonaro pois o presidente brasileiro se opõe à implementação de quarentena e outras medidas mais severas para conter o coronavírus.
O presidente argentino, Alberto Fernández, fez críticas a Jair Bolsonaro pois o presidente brasileiro se opõe à implementação de quarentena e outras medidas mais severas para conter o coronavírus.
Na noite de domingo (29), Fernández amplioupor mais 15 dias o período de isolamento total no país, além de manter as fronteiras fechadas e a mobilidade urbana restrita na Argentina.
Ele afirmou que "as declarações e ações de Bolsonaro levam a pensar que o país pode entrar numa mesma espiral que a Itália" e acrescentou que se preocupa muito com o fato de que países como o Brasil "não entendam a gravidade do problema".