Porto Alegre, sábado, 17 de outubro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 17 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

solidariedade

- Publicada em 12h32min, 23/03/2020. Atualizada em 13h18min, 23/03/2020.

Professora confecciona máscaras para distribuir a vizinhos idosos em Porto Alegre

Máscaras de TNT foram entregues a moradores de grupo de risco em condomínio do Petrópolis

Máscaras de TNT foram entregues a moradores de grupo de risco em condomínio do Petrópolis


Reny Diel/Divulgação/JC
Bruna Oliveira
Em tempos de pandemia, uma das atitudes que mais tem ficado de lição são os gestos de solidariedade. Em Porto Alegre, uma atitude simples para evitar o contágio do coronavírus emocionou os vizinhos de um prédio no bairro Petrópolis. A professora aposentada de artes Reny Diel, de 72 anos, confeccionou quase 40 máscaras para distribuir entre os moradores com mais de 60 anos e de grupo de risco do condomínio.
Em tempos de pandemia, uma das atitudes que mais tem ficado de lição são os gestos de solidariedade. Em Porto Alegre, uma atitude simples para evitar o contágio do coronavírus emocionou os vizinhos de um prédio no bairro Petrópolis. A professora aposentada de artes Reny Diel, de 72 anos, confeccionou quase 40 máscaras para distribuir entre os moradores com mais de 60 anos e de grupo de risco do condomínio.
A vontade de ajudar veio durante o isolamento da professora em casa, feito por precaução por conta da idade. Antes mesmo do surto do coronavírus, Reny já se dedicava ao trabalho voluntário. "Fui dormir pensando: agora que estou sem fazer o meu trabalho e vendo tanto idoso que não faz ideia do risco que corre, eu preciso fazer alguma coisa", contou. No dia seguinte, lembrou de uma máscara que havia ganhado e uma coisa levou à outra.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/03/23/206x137/1_90114558_3260613067300308_3370268555227430912_n-9019772.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5e78d125426c5', 'cd_midia':9019772, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/03/23/90114558_3260613067300308_3370268555227430912_n-9019772.jpg', 'ds_midia': 'Professora confecciona máscaras para doar a vizinhos idosos em Porto Alegre', 'ds_midia_credi': 'Daniela Sallet/Reprodução/Facebook/JC', 'ds_midia_titlo': 'Professora confecciona máscaras para doar a vizinhos idosos em Porto Alegre', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '600', 'align': 'Left'}
Acessórios foram entregues junto de bilhete com orientações e cuidados a tomar. Daniela Sallet/Divulgação/JC
"Conversei com amigos e vi que era possível costurar com pedaços de TNT que já tinha em casa". Usando a máscara de molde, tirou medidas e fabricou 36 novas máscaras para doar aos vizinhos. Foram três dias de trabalho. "Fiquei tranquila quando o Ministro da Saúde falou que as máscaras que o ministério está encomendando são do mesmo material",afirmou a professora.
{'nm_midia_inter_thumb1':'', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5c6f03d777ac4', 'cd_midia':8634598, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/gif/2019/02/21/banner_whatsapp_280x50px_branco-8634598.gif', 'ds_midia': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'ds_midia_credi': 'Thiago Machado / Arte JC', 'ds_midia_titlo': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '280', 'cd_midia_h': '50', 'align': 'Center'}
Quando tudo ficou pronto, Reny acionou a síndica do prédio para saber quantos eram os moradores do grupo de risco. Os acessórios foram separados em envelopes e endereçados a cada apartamento. Junto, um bilhete com orientações sobre os cuidados a se tomar com a máscara e com a saúde. A vizinha de andar Daniela Sallet foi quem se encarregou de levar os envelopes até a portaria do prédio para a distribuição entre os vizinhos.
"Nós temos uma certa obrigação, uma dívida com a humanidade. Chega uma hora em que temos de nos doar e retribuir o tanto que recebemos da vida", disse Reny sobre sua atitude. Desde a entrega das máscaras, nesse domingo, a professora tem recebido vários telefonemas de agradecimento. O próximo passo das boas ações, conta, será entreter as crianças. "Quero gravar pequenos tutoriais de arte para distrair a criançada".
Comentários CORRIGIR TEXTO