Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Economia

- Publicada em 07 de Abril de 2022 às 14:17

Rodadas online unem marcas calçadistas e compradores da América Latina

No primeiro semestre de 2021, as rodadas latino-americanas geraram mais de US$ 2 milhões

No primeiro semestre de 2021, as rodadas latino-americanas geraram mais de US$ 2 milhões


FREDY VIEIRA/arquivo/JC
Tendência impulsionada pela pandemia de Covid-19 e as consequentes restrições aos encontros físicos, as rodadas online entre marcas calçadistas brasileiras e compradores internacionais estão confirmadas para 2022 dentro do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações do setor mantido pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). A primeira ação do ano ocorrerá a partir de maio e envolverá compradores latino-americanos dos mercados da Colômbia, Chile, Peru, Bolívia, Equador e Costa Rica e 34 marcas verde-amarelas.
Tendência impulsionada pela pandemia de Covid-19 e as consequentes restrições aos encontros físicos, as rodadas online entre marcas calçadistas brasileiras e compradores internacionais estão confirmadas para 2022 dentro do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações do setor mantido pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). A primeira ação do ano ocorrerá a partir de maio e envolverá compradores latino-americanos dos mercados da Colômbia, Chile, Peru, Bolívia, Equador e Costa Rica e 34 marcas verde-amarelas.
Realizadas pela primeira vez em 2020, as rodadas com compradores internacionais consistem em reuniões virtuais entre empresas calçadistas brasileiras importadores interessados nos produtos verde-amarelos. Toda a prospecção é feita pela Abicalçados e os agendamentos são personalizados para cada uma das marcas participantes.
“No ato de adesão ao projeto, as empresas indicam os mercados de interesse e atualizam seus perfis com informações e imagens dos produtos na plataforma BrazilianFootwear.com, que será utilizada pela equipe para realização do matchmaking - cruzamento entre oferta dos participantes e demanda dos compradores”, explica a analista de Promoção Comercial da Abicalçados, Carla Giordani. A ação terá um evento exclusivo na plataforma que poderá ser acessada por compradores internacionais.
No primeiro semestre do ano passado, as rodadas com compradores da América Latina geraram mais de US$ 2 milhões, somando negócios realizados e alinhavados durante os encontros. Segundo Carla, as exportações de calçados brasileiros passam por um momento importante de recuperação, sendo o motor principal do crescimento do setor no País. “Existe uma demanda crescente por calçados brasileiros no exterior, especialmente nos Estados Unidos e países da América Latina”, avalia. No primeiro bimestre do ano, as exportações geraram US$ 209 milhões, 70,8% mais do que no mesmo período de 2021, o melhor resultado em mais de uma década para os dois primeiros meses do ano.
Participam das rodadas, com o apoio do Brazilian Footwear, as marcas Activitta, Adrun, Alex Senne, Alliance Shoes, Batatinha, Beira Rio, Beira-mar, BR Sport, Brisa, Capodarte, Dijean, Dok, Dumond, Floré, Lightgel, Linus, Marana, Marina Mello, Modare, Molekinha, Moleka, Molekinho, Nesk, Opananken, Ortopé, Pampili, Pé com Pé, Perlatto, SandBell, Stir, Tweenie, Vectron, Vitz e Vizzano.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO