Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Economia

- Publicada em 11 de Janeiro de 2022 às 17:11

Ouro fecha em alta, apoiado por enfraquecimento do dólar e de olho em Fed

Na Comex, o ouro com entrega prevista para fevereiro subiu 1,10%, a US$ 1818,50 por onça-troy

Na Comex, o ouro com entrega prevista para fevereiro subiu 1,10%, a US$ 1818,50 por onça-troy


VISUALHUNT.COM/DIVULGAÇÃO/JC
Agência Estado
O contrato do ouro no mercado futuro avançou nesta terça-feira (11). Investidores parecem já ter precificado ajustes nas expectativas para alta de juros do Federal Reserve (Fed), dizem analistas. Além disso, o metal se apoia no enfraquecimento do dólar nesta sessão.
O contrato do ouro no mercado futuro avançou nesta terça-feira (11). Investidores parecem já ter precificado ajustes nas expectativas para alta de juros do Federal Reserve (Fed), dizem analistas. Além disso, o metal se apoia no enfraquecimento do dólar nesta sessão.
Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro com entrega prevista para fevereiro subiu 1,10%, a US$ 1818,50 por onça-troy.
O recuo do dólar ante rivais favorece a negociação do ouro, uma vez que torna a commodity mais barata para detentores de outras moedas.
Em relatório, o Commerzbank pontua que o mercado já precificou a primeira alta dos juros básicos pelo Fed na reunião de março. "A elevação na taxa básica de juros pelo Fed, a primeira em seis anos, não deve mais ter peso significativo sobre o ouro", diz o analista Daniel Briesemann.
O TD Securities, por sua vez, aponta que o metal precioso tem se demonstrado resiliente, enquanto investidores digerem as notícias de um tapering acelerado e suas consequências. Com os mercados considerando a inflação persistente, o ouro ainda tem espaço nas negociações, "apesar do sentimento amplamente negativo em todo o complexo", diz o banco.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO