Porto Alegre, quarta-feira, 22 de setembro de 2021.
Início da Primavera. Dia do Contador. Dia Mundial sem Carro.
Porto Alegre,
quarta-feira, 22 de setembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

INVESTIMENTOS

- Publicada em 22/09/2021 às 17h40min.

Recém-inaugurado, CD do Magazine Luiza vai gerar 400 empregos em Gravataí

Solenidade de inauguração contou com a presença de autoridades e executivos do gigante varejista

Solenidade de inauguração contou com a presença de autoridades e executivos do gigante varejista


PALOMA VARGAS/PREFEITURA DE GRAVATAÍ. DIVULGAÇÃO/JC
Cinco meses após receber da prefeitura de Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre, o aval para a instalação de seu Centro de Distribuição (CD), o Magazine Luiza inaugurou, nesta quarta-feira (22), a nova estrutura da rede no Rio Grande do Sul. Instalado às margens da ERS-118, o empreendimento, com área equivalente a quatro campos de futebol, consolida a ampliação das operações do gigante varejista no Estado.
Cinco meses após receber da prefeitura de Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre, o aval para a instalação de seu Centro de Distribuição (CD), o Magazine Luiza inaugurou, nesta quarta-feira (22), a nova estrutura da rede no Rio Grande do Sul. Instalado às margens da ERS-118, o empreendimento, com área equivalente a quatro campos de futebol, consolida a ampliação das operações do gigante varejista no Estado.
De acordo com a empresa, serão geradas 400 vagas de emprego no complexo, que já conta com 250 colaboradores em atuação. A solenidade inaugural foi restrita a autoridades e contou com a presença do governador Eduardo Leite, do prefeito de Gravataí, Luiz Zaffalon, secretários estaduais e municipais e executivos da empresa.
No evento, o chefe do Executivo gaúcho destacou os esforços que vêm sendo feitos para tornar o Estado "acolhedor aos investimentos". "Tivemos de fazer reformas muito duras, profundas, até antipáticas, para poder ajustar as contas do Estado.  Acabamos de anunciar que, a partir de janeiro, teremos redução de alíquotas internas. Isso tudo é fruto de muito esforço para que o Estado seja um gigante que não atrapalha e que acolha outros gigantes, como o Magalu. É uma empresa que tem nossa admiração, nosso respeito, e que ganha relevância ano após ano. Além de gerar 400 empregos, vai dar mais conforto, mais segurança nas entregas para os clientes, e que certamente vai viabilizar outros tantos investimentos”, disse Leite.
No Rio Grande do Sul, a varejista já conta com 58 lojas em operação, além de um CD localizado em Caxias do Sul, na Serra. Com cerca de 40 mil funcionários em todo o País, desde 2019 a empresa avança no mercado de e-commerce, e tem transformado suas mais de 1,4 mil lojas em centros de distribuição de produtos, o que justifica a necessidade de novos CDs nas diferentes regiões.
"É um dia muito especial para nós, no qual vamos entregar um presente, de forma simbólica, para a cidade e para o Estado. Temos, hoje, 58 filiais no RS, e chegaremos ao ápice de 300 mil peças por mês quando estivermos aqui a todo vapor. Vamos atender todas as 497 cidades do Estado a partir daqui, e teremos um CD pleno, capaz de atender todos os modais que a empresa oferece”, afirmou o gerente do CD de Gravataí, Paulo Leandro Jacinto.
O prefeito de Gravataí, Luiz Zaffalon, destacou que a cidade se tornou polo logístico, e aproveitou para enfatizar a importância da duplicação da ERS-118 para a atração de novos investimentos ao condomínio logístico GLP, que já conta com CDs da Lojas Lebes, Ford, Yapp e Flexu.
A obra na rodovia, finalizada em dezembro de 2020, duplicou os 21,5 quilômetros que interligam os acessos da BR-116, em Sapucaia do Sul, à Freeway, em Gravataí. "A rodovia é fundamental para Gravataí e para a região. Hoje, Gravataí é a melhor cidade do RS para se morar e para investir, e se tornou um polo de logística e de e-commerce", disse o prefeito.
O trecho é composto por oito pistas (incluindo ruas laterais), sete viadutos e duas pontes, e foi finalizado com financiamento de R$ 131 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) foi o responsável pela execução dos trabalhos.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2021/09/22/206x137/1_22144126_1998449_gdo-9423510.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'614b9137b7e42', 'cd_midia':9423510, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2021/09/22/22144126_1998449_gdo-9423510.jpg', 'ds_midia': 'CD do Magazine Luiza foi inaugurado em Gravataí, com presença do governador Eduardo Leite', 'ds_midia_credi': 'ITAMAR AGUIAR/PALÁCIO PIRATINI/DICULGAÇÃO/JC', 'ds_midia_titlo': 'CD do Magazine Luiza foi inaugurado em Gravataí, com presença do governador Eduardo Leite', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}Inauguração contou com a presença do governador Eduardo Leite. Foto: Itamar Aguiar/ Palácio Piratini/Divulgação/JC
O subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, lembrou ainda que a nova operação do Magazine Luiza foi beneficiada com uma legislação tributária estadual mais moderna. Segundo ele, com as ações do Receita 2030, foi possível publicar o decreto voltado a operações de e-commerce que destinem mercadorias para consumidor final de outros Estados. A iniciativa também igualou o tratamento tributário do RS a outros Estados, fortalecendo a competitividade interna.
Pereira apontou que o regime diferenciado facilita a operação de centros de distribuição e de vendas de mercadorias, tanto no Estado como na região Sul. “Temos trabalhado com uma política de diálogo e de simplificação tributária para, gradativamente, tornar o Estado ainda mais atrativo para empresas de todos os portes", destacou.
Fundada na década de 1950, na cidade de Franca (SP), o Magazine Luiza é hoje o maior varejista de e-commerce do Brasil. Em 2020, com o aumento das vendas on-line por conta da pandemia, obteve um crescimento de 121% nas operações, alcançando valores em torno de R$ 9,5 bilhões. De acordo com informações divulgadas pela prefeitura de Gravataí, o CD da Magalu atenderá 10 lojas diretamente, além das 497 cidades gaúchas.
O vice-presidente de Operações Nacional do Magalu, Fabrício Garcia, agradeceu às autoridades e aos colaboradores, que farão da unidade "um sucesso da empresa”, e lembrou que a rapidez nas entregas e o cuidado com os clientes são peças-chave para o sucesso dos negócios da empresa. “Temos a entrega mais rápida do Brasil e este CD vem pra melhorar ainda mais o nosso bom índice. Além disso, nossa empresa é uma das que mais cresce e dá oportunidade de emprego”, disse Garcia.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário