Porto Alegre, quarta-feira, 28 de abril de 2021.
Dia da Educação.
Porto Alegre,
quarta-feira, 28 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Mercado Financeiro

- Publicada em 19h33min, 28/04/2021.

Bolsas de NY fecham em queda, após pregão volátil, com Fed e balanços

O índice Dow Jones teve queda de 0,48%

O índice Dow Jones teve queda de 0,48%


MARCELLO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL/JC
As bolsas de Nova York fecharam em queda, após oscilarem entre leves altas e baixas durante o pregão, com investidores de olho na decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) e na divulgação de resultados corporativos. Durante a sessão, o S&P 500 teve fôlego para renovar máxima história intraday, mas fechou em baixa de 0,08%, a 4.183,18 pontos. O índice Dow Jones teve queda de 0,48%, em 33.820,38 pontos e o Nasdaq caiu 0,28%, a 14.051,03 pontos.
As bolsas de Nova York fecharam em queda, após oscilarem entre leves altas e baixas durante o pregão, com investidores de olho na decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) e na divulgação de resultados corporativos. Durante a sessão, o S&P 500 teve fôlego para renovar máxima história intraday, mas fechou em baixa de 0,08%, a 4.183,18 pontos. O índice Dow Jones teve queda de 0,48%, em 33.820,38 pontos e o Nasdaq caiu 0,28%, a 14.051,03 pontos.
Na decisão de política monetária desta quarta-feira, o Fed não ofereceu qualquer sinal de que considera desacelerar o ritmo das compras de ativos, "muito menos" de aumentar a sua taxa básica de juro, destaca a Capital Economics. O presidente da instituição, Jerome Powell, afirmou que ainda não é hora de começar a falar em reduzir os estímulos monetários.
Os comentários de Powell chegaram a dar algum impulso aos negócios, mas o fôlego foi passageiro. Alguns bancos importantes tiveram quedas, caso de Wells Fargo (-0,02%) e Citigroup (-0,11%). Outros componentes relevantes dos índices que recuaram foram Tesla (-1,47%) e Johnson & Johnson (-0,74%).
Com o andamento da temporada de balanços, a Boeing divulgou seu sexto prejuízo trimestral consecutivo. A perda foi maior do que se esperava e a ação do fabricante de aviões, que tem o sexto maior peso no Dow Jones, recuou 2,89%. Já a Spotify pressionou o Nasdaq, ao cair 12,32% após publicar em seu balanço números de usuários mensais de seu serviço que desapontaram o mercado.
Com números divulgados após o fechamento do pregão da terça-feira, o avanço nos lucros da Alphabet, que controla a Google, agradou, e a empresa subiu 2,97%. O mesmo ocorreu com a Visa, que teve alta de 1,54%. Já as ações da Microsoft tiveram perdas de 2,83%, seguindo a divulgação de terça. Com balanços marcados para publicação após o fechamento dos mercados nesta quarta, Apple (-0,60%) e Ford (-0,48%) caíram, enquanto o Facebook subiu (+1,16%).
Nesta quarta, o presidente dos EUA, Joe Biden, fará discurso em sessão conjunta do Congresso. A expectativa é que o democrata promova uma proposta de US$ 1,8 trilhão em investimentos em áreas como educação, saúde e cuidados infantis, e que seria parcialmente financiado por um aumento na carga tributária dos mais ricos.
Na terça, as ações da Novavax chegaram a subir mais de 15% no after hours, seguindo a notícia de que representantes do governo dos EUA se reuniram com a empresa para tratar sobre o aumento da produção de sua vacina contra a covid-19. No entanto, a euforia se reverteu, e as ações tiveram baixa de 5,20% nesta quarta.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário