Porto Alegre, quinta-feira, 24 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

mercado financeiro

- Publicada em 09h37min, 24/12/2020.

Bolsas da Europa mantêm alta com perspectiva de acordo entre Reino Unido e UE

Cresceu a expectativa para britânicos e UE consigam regularem sua relação comercial pós-Brexit

Cresceu a expectativa para britânicos e UE consigam regularem sua relação comercial pós-Brexit


GABRIELA DI BELLA/ARQUIVO/JC
As bolsas europeias operam em alta desde a abertura do pregão desta véspera de Natal, animadas pela perspectiva de que Reino Unido e União Europeia (UE) anunciem um acordo comercial pós-Brexit nas próximas horas.
As bolsas europeias operam em alta desde a abertura do pregão desta véspera de Natal, animadas pela perspectiva de que Reino Unido e União Europeia (UE) anunciem um acordo comercial pós-Brexit nas próximas horas.
Em Londres, o índice FTSE-100 subia 0,13% às 6h50 (de Brasília), com destaque para ações de bancos, como Lloyds (+4,74%), Barclays (+3,37%) e Natwest (+2,16%).
Desde quarta-feira, cresceu a expectativa de que britânicos e UE consigam selar um pacto que regule sua relação comercial depois que o período de transição do Brexit chegar ao fim, no próximo dia 31. Nos últimos dias, houve relatos de que os dois lados avançaram em discussões sobre direitos de pesca, questão que vinha impedindo um entendimento. Segundo a mídia britânica, um acordo poderá ser anunciado ainda nesta quinta.
Em outras partes da Europa, o CAC-40 avançava 0,15% em Paris no horário acima, o Ibex-35 se valorizava 0,25% em Madri e o PSI-20 tinha alta de 0,12% em Lisboa.
Em função da véspera do feriado de Natal, as bolsas de Frankfurt e de Milão estão fechadas hoje. As demais encerrarão os negócios mais cedo.
No câmbio, a libra se fortalecia a US$ 1,3602, de US$ 1,3492 no fim da tarde de ontem, também à espera de um acordo entre Londres e UE, enquanto o euro avançava a US$ 1,2194, de US$ 1,2187 na mesma comparação.
Investidores no continente europeu também aguardam decisão do presidente dos EUA, Donald Trump, de sancionar ou não o pacote fiscal de US$ 900 bilhões aprovado pelo Congresso americano nesta semana para lidar com os efeitos da pandemia do novo coronavírus. Na terça-feira (22), num gesto inesperado, Trump descreveu o pacote como uma "desgraça".
 
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO