Porto Alegre, quarta-feira, 25 de novembro de 2020.
Dia do Doador de Sangue.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 25 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

entidades

- Publicada em 12h48min, 25/11/2020. Atualizada em 15h27min, 25/11/2020.

Anderson Cardoso é eleito presidente da Federasul no biênio 2021-2022

Cardoso é o atual vice-presidente da Federasul na gestão comandada por Simone Leite

Cardoso é o atual vice-presidente da Federasul na gestão comandada por Simone Leite


LUIZA PRADO/JC
A Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul) elegeu nesta quarta-feira (25) Anderson Cardoso como novo presidente. Ele deve comandar a entidade entre 2021 e 2022. Cardoso é o atual vice-presidente da entidade na gestão de Simone Leite. A eleição teve participação de 125 associações comerciais e ocorreu digitalmente, através da plataforma Zoom.
A Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul) elegeu nesta quarta-feira (25) Anderson Cardoso como novo presidente. Ele deve comandar a entidade entre 2021 e 2022. Cardoso é o atual vice-presidente da entidade na gestão de Simone Leite. A eleição teve participação de 125 associações comerciais e ocorreu digitalmente, através da plataforma Zoom.
Cardoso destacou que dará continuidade aos projetos da presidência de Simone Leite (2016-2020). Disse, ainda, que buscará, durante sua gestão, utilizar a tecnologia para maior conexão e geração de oportunidades para a Federasul e suas filiadas.
Uma das marcas que ele quer implementar é a utilização da inovação como ferramenta para contribuir com o desenvolvimento sustentável do Rio Grande do Sul. Recordando valores da entidade, como ética, liberdades individuais e empreendedorismo, reforçou que bandeiras da Federasul, como reformas estruturais, continuarão sendo defendidas. “Seguiremos firmes em nosso propósito de congregar entidades da classe produtiva de todo o Rio Grande do Sul em prol do empreendedorismo, visando o desenvolvimento econômico e social de nosso Estado”, afirma o presidente eleito.
Comentários CORRIGIR TEXTO