Porto Alegre, quarta-feira, 23 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Aeroportos

- Publicada em 13h26min, 03/11/2020. Atualizada em 19h41min, 23/12/2020.

Aeroporto de Porto Alegre: transferência de famílias da vila Nazaré recomeça em área da obra da pista

Máquinas trabalham na área da Resa, e, ao fundo, se vê a vila com as moradias ainda em pé

Máquinas trabalham na área da Resa, e, ao fundo, se vê a vila com as moradias ainda em pé


PATRÍCIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC
Patrícia Comunello
Em ritmo lento, as transferências de famílias da área da vila Nazaré, na Zona Norte de Porto Alegre e crucial para o término da obra de ampliação da pista do Aeroporto Internacional Salgado Filho, foram retomadas.
Em ritmo lento, as transferências de famílias da área da vila Nazaré, na Zona Norte de Porto Alegre e crucial para o término da obra de ampliação da pista do Aeroporto Internacional Salgado Filho, foram retomadas.
Desde a semana passada, cinco famílias fizeram a mudança da vila para o Loteamento Irmãos Maristas, segundo o Departamento Municipal de Habitação (Demhab). A última desse grupo se mudou na manhã desta terça-feira (3), informou o Demhab. Segundo o órgão, o ritmo de saída dependerá das famílias, em função da pandemia de Covid-19. Não há ainda um cronograma para término da desocupação da área.
A expectativa da concessionária do Aeroporto de Porto Alegre, Fraport Brasil, é de conclusão até dezembro. Sem a liberação do trecho que ainda resta da vila, o consórcio HTBM, contratado pela Fraport Brasil para a execução da expansão, não consegue completar a parte final do projeto, que é da chamada Resa, área de segurança que fica após o trecho novo da pista.  
VÍDEO: Veja como está a obra e a situação na vila Nazaré
Também falta instalar a última bacia de detenção (BD) da água da chuva das cinco previstas em todo o sítio e que fica no terreno da Nazaré. A saída de moradores não se concentra nos mesmos pontos do terreno, o que dificulta a retomada de obras. Hoje há escombros e casas em pé lado a lado a lado, além de galpões de reciclagem que ficam lindeiros ao muro do aeroporto, que demarca a linha de avanço da obra.
A nova extensão da pista de pousos e decolagens que soma 920 metros e que elevará o traçado dos atuais 2.280 metros para 3.200 metros permitindo a operação de aeronaves de maior porte, já está com a base pronta e recebendo a pavimentação. Mas sem a Resa e outros detalhes de acabamento e instalação de aparelhos de sinalização não será possível habilitar a nova extensão. 
O prazo contratual da Fraport Brasil com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) é dezembro de 2021. A concessionária diz, por nota, que não assegura a conclusão no prazo devido à demora nas remoções. Somente no trecho inacabado da área de segurança, a Fraport considera que há atraso de nove meses.   
Com as mais recentes realocações, o número de ocupantes que saiu da área chega a 1.126. Faltam ainda 71 do grupo que assinou a documentação dos imóveis na Caixa Econômica Federal no começo de outubro. Duas situações acabaram provocando a demora na mudança.
A autorização para a ligação de energia nas unidades para o ingresso dos moradores e problemas na estrutura de um dos blocos do Irmãos Maristas, que chegou a gerar a evacuação de ocupantes de 20 unidades por mais de um dia para verificar a segurança da edificação. Após laudo da construtora e aval da Caixa, os moradores foram liberados para retornar aos apartamentos.    
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/10/10/206x137/1_20201010135406__o2a2428-9162373.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5f81f73287808', 'cd_midia':9162373, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/10/10/20201010135406__o2a2428-9162373.jpg', 'ds_midia': 'Loteamento Irmãos Marista - evacuação pela prefeitura', 'ds_midia_credi': 'PMPA/Divulgação/JC', 'ds_midia_titlo': 'Loteamento Irmãos Marista - evacuação pela prefeitura', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}
Estrutura de um dos blocos do loteamento apresentou problemas em outubro, gerando evacuação de moradores. Foto: PMPA/Divulgação
Com o episódio em 9 de outubro, o Demhab suspendeu novas realocações à espera de um laudo técnico estrutural de todo o loteamento para ter a garantia das condições de moradia. Durante outubro ainda, laudo indicou que o empreendimento era seguro.  
VÍDEO: Imagens do Google Earth mostram as etapas da obra da pista
Comentários CORRIGIR TEXTO