Porto Alegre, quinta-feira, 29 de outubro de 2020.
Dia nacional do Livro e Dia mundial de combate ao AVC.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 29 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Tecnologia

- Publicada em 18h35min, 29/10/2020.

Apple tem queda no lucro líquido a US$ 12,67 bilhões no 4º trimestre fiscal

A Apple aponta também que o ano fiscal que ela agora encerra foi de recordes de receita

A Apple aponta também que o ano fiscal que ela agora encerra foi de recordes de receita


EMMANUEL DUNAND/AFP/JC
A Apple teve lucro líquido de US$ 12,67 bilhões no quarto trimestre fiscal, inferior ao resultado de US$ 13,686 bilhões de igual período do ano anterior. O lucro por ação diluído ficou em US$ 0,73, de US$ 0,76 anteriormente, acima da previsão de US$ 0,71 dos analistas ouvidos pelo FactSet. Após o balanço, a ação da empresa recuava 3,49% no after hours em Nova York, às 17h50 (de Brasília).
A Apple teve lucro líquido de US$ 12,67 bilhões no quarto trimestre fiscal, inferior ao resultado de US$ 13,686 bilhões de igual período do ano anterior. O lucro por ação diluído ficou em US$ 0,73, de US$ 0,76 anteriormente, acima da previsão de US$ 0,71 dos analistas ouvidos pelo FactSet. Após o balanço, a ação da empresa recuava 3,49% no after hours em Nova York, às 17h50 (de Brasília).
A receita da companhia ficou em US$ 64,7 bilhões no trimestre até setembro, de US$ 64,04 bilhões anteriormente, um recorde para a empresa, segundo o balanço.
A Apple aponta também que o ano fiscal que ela agora encerra foi de recordes de receita, lucro por ação e fluxo de caixa livre, mesmo em um ambiente macro "extremamente volátil e desafiador".
A companhia informou ainda que retornou quase US$ 22 bilhões ao acionistas no trimestre, enquanto manteve a meta de atingir posição neutra em termos de caixa líquido ao longo do tempo.
O conselho da Apple declarou um dividendo de US$ 0,205 por ação ordinária da companhia, a ser pago em 12 de novembro de 2020 aos acionistas. A empresa informou também que 59% de sua receita no trimestre mais recente veio de suas vendas internacionais.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO