Porto Alegre, sexta-feira, 30 de outubro de 2020.
Dia do Comerciário. Dia do Balconista.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 30 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

infraestrutura

Notícia da edição impressa de 27/10/2020. Alterada em 30/10 às 20h35min

CCGL investirá R$ 700 milhões em terminais graneleiros no porto rio-grandino

Coperativa investirá R$ 700 milhões em suas estruturas localizadas no porto

Coperativa investirá R$ 700 milhões em suas estruturas localizadas no porto


WENDERSON ARAUJO/DIVULGAÇÃO/JC
Com as mudanças planejadas para o Porto de Rio Grande, a Cooperativa Central Gaúcha (CCGL), que opera os terminais Termasa e Tergrasa, confirmou que investirá R$ 700 milhões em suas estruturas que estão localizadas dentro do complexo portuário. Com a ampliação, a capacidade de escoamento de produtos agrícolas da CCGL será quadruplicada.
"Há 28 anos aconteceu o último investimento em píer para atracação de navios graneleiros no Porto de Rio Grande. Nesse período, as safras no Rio Grande do Sul aumentaram em 300%", destacou o presidente da CCGL, Caio Vianna, em vídeo gravado para a cerimônia de homologação do novo calado. Segundo o executivo, a cooperativa vem planejando o investimento portuário há 12 anos. "Só agora, com os novos regramentos e a vontade política dos governos federal e estadual, vamos fazer a ampliação", comentou Vianna.
Atualmente, o chamado fluxo de expedição dos terminais da CCGL é de 1,5 mil toneladas por hora. Com a expansão, passará para 6 mil toneladas por hora. A capacidade de armazenagem irá subir de 278 mil toneladas para 778 mil toneladas.
Comentários CORRIGIR TEXTO

EXPEDIENTE

2020