Porto Alegre, quarta-feira, 21 de outubro de 2020.
Dia do Contato Publicitário.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 21 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

feiras

- Publicada em 19h03min, 21/10/2020.

Após meses de flexibilização, feiras ecológicas de Porto Alegre retomam campanha contra sacolas plásticas

Quem não puder ou não lembrar de levar sacolas retornáveis, poderá comprá-las nas feiras

Quem não puder ou não lembrar de levar sacolas retornáveis, poderá comprá-las nas feiras


MARCO QUINTANA/Arquivo/JC
Depois de sete meses de flexibilização em relação à distribuição de sacolas plásticas, as feiras ecológicas de Porto Alegre devem retomar a campanha contra o produto a partir deste fim de semana. Motivadas pela proximidade da Semana Lixo Zero, as Feiras Ecológicas da Redenção retomam, no próximo sábado (24), a campanha Sábado Sem Sacola Plástica. Com isso, não haverá entrega de embalagens nos dias 24 e 31 de outubro na avenida José Bonifácio.
Depois de sete meses de flexibilização em relação à distribuição de sacolas plásticas, as feiras ecológicas de Porto Alegre devem retomar a campanha contra o produto a partir deste fim de semana. Motivadas pela proximidade da Semana Lixo Zero, as Feiras Ecológicas da Redenção retomam, no próximo sábado (24), a campanha Sábado Sem Sacola Plástica. Com isso, não haverá entrega de embalagens nos dias 24 e 31 de outubro na avenida José Bonifácio.
Na próxima quarta-feira, dia 28, é a vez dos frequentadores da Feira Ecológica do Menino Deus serem convidados a utilizar sacolas retornáveis para fazer suas compras.
A ação faz parte de uma parceria, já realizada em 2019, com a Lixo Zero Porto Alegre e o Instituto Lixo Zero Brasil. A Feira dos Agricultores Ecologistas (FAE) e a Feira Ecológica do Bom Fim (FEBF) já estão na terceira fase da ação, que iniciou em maio do ano passado, quando as 138 bancas deixaram de distribuir as embalagens no último sábado de cada mês. De janeiro a março deste ano, a ação foi estendida para todos os finais de semana de feiras.
Quem não puder ou não lembrar de levar sacolas retornáveis, poderá comprá-las nas feiras, que terão bancas específicas de comercialização de bolsas retornáveis produzidas por grupos de mulheres da economia solidária e de artesãs que fazem reaproveitamento de tecidos e outros materiais.
Antes da campanha, a estimativa é de que as 138 bancas das feiras distribuíssem mais de 2 milhões de sacolas plásticas por ano.
Comentários CORRIGIR TEXTO