Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

lava-jato

- Publicada em 03h00min, 28/07/2020.

Justiça concede recuperação da Odebrecht e outras 11 empresas

Empresa terá dois anos para executar o plano, que foi aprovado pelos credores em abril

Empresa terá dois anos para executar o plano, que foi aprovado pelos credores em abril


NELSON ALMEIDA/AFP/JC
A 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da Justiça de São Paulo concecedeu nesta segunda-feira (27) a recuperação judicial da Odebrecht S.A. e outras 11 empresas do grupo.
A 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da Justiça de São Paulo concecedeu nesta segunda-feira (27) a recuperação judicial da Odebrecht S.A. e outras 11 empresas do grupo.
A partir da homologação, a empresa terá dois anos para executar o plano, que foi aprovado pelos credores em abril.
Entre as empresas cuja recuperação foi concedida hoje pelo juiz João de Oliveira Rodrigues Filho estão OSP Investimentos, Odebrecht Serviços e Participações S.A., ODB International Corporation, OPI S.A., OP Gestão de Propriedade S.A., Odebrecht Energia S.A., Kieppe Participações e Administração, ODBINV S.A., Odebrecht S.A., Edifício Odebrecht RJ S.A., Odebrecht Properties Investimentos S.A. e Odebrecht Energia Investimentos S.A.
A recuperação judicial da Odebrecht é a maior da história do país, com dívidas estimadas em R$ 98,5 bilhões. A empresa entrou com o pedido de recuperação em junho de 2019, após enfrentar dificuldades financeiras por seu envolvimento no escândalo de corrupção da Lava-Jato.
Folhapress
Comentários CORRIGIR TEXTO