Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Varejo

- Publicada em 20h39min, 22/07/2020. Atualizada em 20h39min, 22/07/2020.

Supermercados brasileiros somam perdas de R$ 6,9 bilhões ao ano

As perdas estão relacionadas à deterioração de perecíveis, produtos com validade vencida e outros

As perdas estão relacionadas à deterioração de perecíveis, produtos com validade vencida e outros


ASCOMEPC/DIVULGAÇÃO/JC
As perdas dos supermercados brasileiros somaram R$ 6,9 bilhões em 2019, o que corresponde a 1,82% do faturamento bruto do setor, de acordo com a Avaliação de Perdas no Varejo Brasileiro de Supermercados, da Associação Brasileira de Supermercados (Abras).
As perdas dos supermercados brasileiros somaram R$ 6,9 bilhões em 2019, o que corresponde a 1,82% do faturamento bruto do setor, de acordo com a Avaliação de Perdas no Varejo Brasileiro de Supermercados, da Associação Brasileira de Supermercados (Abras).
O número ficou próximo ao apresentado no consolidado do ano anterior. Em 2018, foram R$ 6,7 bilhões em perdas, o que correspondeu a 1,89% do faturamento dos supermercados no período.
As perdas estão relacionadas à deterioração de perecíveis, produtos com validade vencida, que sofrem avarias no transporte ou durante manipulação dentro da loja. Também entram na conta produtos furtados no ponto de venda. Das 204 empresas pesquisadas para a avaliação de 2019, 71% possuem área de prevenção de perdas.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO